Flamengo e Santos disputam neste sábado título simbólico de campeão do primeiro turno do Brasileirão

O Flamengo deve entrar em campo com força máxima para o jogo contra o Santos, neste sábado, às 17h, no Maracanã.

Resultado de imagem para flamengo e Santos disputam neste sábado título simbólico de campeão do primeiro turno do Brasileirão Com os retornos de Bruno Henrique, Arrascaeta e Berrío, que estavam defendendo suas seleções nacionais, o técnico Jorge Jesus terá à disposição todos os jogadores do elenco.

 A tendência é que o Rubro-Negro inicie a partida escalado com Diego Alves, Rafinha, Rodrigo Caio, Pablo Marí e Filipe Luís; Willian Arão, Gerson, Everton Ribeiro e Arrascaeta; Bruno Henrique e Gabriel Barbosa.

 Com 41 gols marcados no Campeonato Brasileiro, o Flamengo tem o melhor ataque da competição.

 O segundo melhor aproveitamento no setor ofensivo é o do Santos. O Peixe já balançou as redes dos adversários 30 vezes. São 11 gols a menos que o Flamengo, mas Éverton Ribeiro acredita que há um equilíbrio na disputa.

 “Eu vejo muitos times com ataques poderosos, que fazem diferença nos jogos, mas a nossa equipe é equilibrada. Só temos bons números na frente porque nossa defesa vem sabendo construir a jogada, desde o Diego Alves até chegar ao gol. Temos ainda muito a melhorar, mas somos muito equilibrados e sabemos que há outras equipes que sabem atacar e fazem grandes jogos”.

 Do lado do Santos, o atacante Marinho sabe que vai ser complicado. Inclusive, jogou o favoritismo para o Flamengo no confronto deste sábado.

 A partida vale o título simbólico do primeiro turno do Campeonato Brasileiro. Se vencer, o Santos assume a ponta da classificação, e Marinho está preparado para a pressão no Maracanã.

 “Provavelmente vai ser o jogo mais difícil do primeiro turno, pelo investimento e pela torcida eles são os favoritos. Todo time que joga em casa é favorito, e também pelo que vocês da imprensa falam diariamente. Minha expectativa vai ser sempre a melhor para a equipe. Vamos fazer o nosso melhor lá e o que vale é poder surpreender, conseguir a vitória e todo mundo sair feliz”.

 Por mais que seja simbólico, o “título” do primeiro turno do Campeonato Brasileiro mostra indícios do que pode ocorrer no fim da competição. Desde 2003, quando passou a ser disputado por pontos corridos, em apenas quatro anos o campeão do primeiro turno não levou o título do Brasileirão (2008, 2009, 2012 e 2018). A tendência é o líder da primeira fase abrir vantagem e levantar o caneco na última rodada.

EBC  

Dois brasileiros disputam título da Fifa de melhor goleiro do mundo

Os goleiros brasileiros Alisson Becker, do clube inglês Liverpool, e Ederson, do também inglês Manchester City, estão na disputa pelo título de melhor goleiro do mundo deste ano, no prêmio da Federação Internacional de Futebol (Fifa). Além deles, está na disputa o alemão Marc-André ter Stegen, que atua no time espanhol Barcelona.

Eles não são os únicos brasileiros a disputar o prêmio da Fifa. Uma brasileira, Silvia Grecco, concorre ao prêmio de torcedores, por descrever os jogos do Palmeiras para seu filho, que é cego. Ela disputa com o uruguaio Justo Sánchez, que não perde um jogo do time rival em memória ao seu filho falecido e os torcedores holandeses, por sua atuação na Copa do Mundo feminina da França.

Assim que pisou gramado do Beira Rio, Alisson, que jogou no Internacional,foi aplaudido pela torcida
Alisson, do Liverpool da Inglaterra e da Seleção Brasileira disputa o título de melhor goleiro do mundo deste ano - Lucas Figueiredo - CBF

Entre os jogadores de linha, no entanto, nenhum brasileiro. O português Cristiano Ronaldo e o argentino Lionel Messi disputam o título com o holandês Virgil van Dijk. Entre as mulheres, as finalistas são a inglesa Lucy Bronze e as norte-americanas Alex Morgan e Megan Rapinoe. As goleiras que disputam o título são a chilena Christiane Endler, a sueca Hedvig Lindahl e a holandesa Sari van Veenendaal.

Há ainda prêmios para melhores técnicos homens (o espanhol Pep Guardiola, o alemão Jürgen Klopp e o argentino Mauricio Pochettino) e mulheres (a norte-americana Jill Ellis, a inglesa Phil Neville e a holandesa Sarina Wiegman).

O prêmio Puskás, que premia o gol mais bonito do ano, tem como finalistas Messi, o colombiano Juan Fernando Quintero e o húngaro Dániel Zsóri. Os vencedores serão anunciados em uma cerimônia no Teatro alla Scala, em Milão (Itália), no próximo dia 23.

ebc 

Análise: Flamengo de Jesus atrai Inter para arapuca e é letal para abrir vantagem na Libertadores

“Fomos um time experiente”. A frase que passou despercebida entre tantas nos mais de 40 minutos de entrevista coletiva de Jorge Jesus define bem o que levou o Flamengo aos 2 a 0 sobre o Internacional, na abertura das quartas de final da Libertadores. Some a isso duas características que chegam a reboque da experiência: paciência e eficiência.

Venceu o duelo da noite de quarta-feira no Maracanã a equipe que fez mais por onde. Disso não há dúvidas. E não estamos falando só pelos 70% de posse de bola, mais do triplo de passes trocados (488 x 134) ou as cinco chances claras contra uma. Por conceito de jogo, o Flamengo mostrou diante do torcedor ser uma equipe que joga futebol, enquanto o Inter tenta impedir que o adversário tenha êxito.

Com exceção de bolas esticadas para um Guerrero nervoso e amplamente dominado por Rodrigo Caio, o Colorado se limitou a defender e catimbar a maior parte do jogo. Quando esboçou colocar as mangas de fora, foi castigado. E por quê? Pela experiência, paciência e eficiência do Flamengo.

 
O time rubro-negro soube se impor diante do Colorado — Foto: André Durão

O time rubro-negro soube se impor diante do Colorado — Foto: André Durão

 

Mesmo com mais de 60 mil vozes empurrando nas arquibancadas, o time de Jorge Jesus não se deixou levar pela emoção. Buscou o ataque, sim, o tempo todo, mas de forma ordenada. E se era difícil furar a retranca gaúcha, tinha consciência de que o 0 a 0 não era tão ruim assim. Sofrer gol em casa era proibido.

O Flamengo em momento algum se mandou ao ataque. A todo instante procurou espaços, procurou trabalhar as jogadas, procurou ditar o ritmo de um jogo que se não era ao seu feitio também não era perigoso. Característica de uma equipe madura - vital para um mata-mata.

Fosse no primeiro tempo com um baleado Arrascaeta ou no segundo com um acelerado Gerson, o Flamengo repetiu uma característica que já tinha ficado evidente no clássico com o Vasco: manter consolidada a estrutura coletiva para quando o talento individual pudesse entrar em ação. E assim foi.

O relógio já passava dos 70 minutos, e Odair Hellmann acreditou demais que tinha o adversário controlado. Lançou Wellington Silva e Nico Lopez, saiu para jogar, e deu o que o Flamengo esperava e precisava: campo.

Toques rápidos e verticais abriram o jogo e furaram a defesa há 500 minutos invicta. Filipe Luís, Éverton Ribeiro, Gabigol, Gerson... Todos tiveram participações importantes nos dois gols de Bruno Henrique com a mesma característica: o passe rápido e para frente.

 
A vitória no Maracanã deixa o Fla mais perto das semifinais da Libertadores — Foto: MARCELO DE JESUS/RAW IMAGE/ESTADÃO CONTEÚDOA vitória no Maracanã deixa o Fla mais perto das semifinais da Libertadores — Foto: MARCELO DE JESUS/RAW IMAGE/ESTADÃO CONTEÚDO

A vitória no Maracanã deixa o Fla mais perto das semifinais da Libertadores — Foto: MARCELO DE JESUS/RAW IMAGE/ESTADÃO CONTEÚDO

 O Flamengo de Jorge Jesus a cada dia dá mostras de evolução. O time intenso (maior cobrança do português) aprendeu a ser experiente, paciente e eficiente. O Inter sentiu na pele e terá que quebrar a cabeça para elaborar uma estratégia se quiser dar a virada na quarta que vem, no Beira-Rio.

Sem poder sofrer gol e tendo que tirar desvantagem de dois, o Colorado tem pela frente um adversário que aprendeu a se moldar durante os jogos, mas sem perder a característica ofensiva. É uma espécie de “se correr, o bicho pega. Se ficar, o bicho come”.

G1 

Jiu-Jitsu de Corrente mais uma vez é destaque na Bahia confira aqui

Com a presença de mais de 200 atletas inscritos, a delegação Correntina mostrou sua força em evento realizado pela Federação Baiana de Jiu-Jitsu Olímpico (FBJJO) nesse domingo (18 de agosto).

JIU-JITSU CORRENTINO É DESTAQUE NO OESTE BAIANOO evento contou com casa cheia, os vencedores na disputa do absoluto (sem divisão de pesos) estariam credenciados a disputar o campeonato nacional em Brasília-DF em data ainda há ser definida, acirrando ainda mais a disputa.

Os Correntinos não tomaram conhecimento das dificuldades e foram em busca do sonho de reconhecimento do esporte, e não fizeram feio, medalhas e pódios em praticamente todas modalidades disputadas, inclusive do absoluto.

 Um dos atletas participantes (Expedito Basílio) disse que o foco é expandir o esporte e a filosofia deste para todo o município, criando assim, mais uma modalidade esportiva no município, dando a cidade mais uma opção de lazer, bem estar e cuidados com a saúde, e ainda, fazendo um apelo por apoio e incentivo.

            “Estamos focados e treinando firme para sermos reconhecidos como um esporte Correntino, a filosofia desse esporte traz uma nova perspectiva de vida, cuidando do corpo e mente, aliviando o stress do dia-a-dia, só que sabemos que isso não vem do dia pra noite, mas, vamos vencer essa luta! Hoje tivemos o apoio da Tozzi, mais sabemos que precisamos do apoio da prefeitura e dos empresários locais para tornar o Jiu-Jitsu Correntino uma referência”.

Fonte Portal r10

Brasil faz história nos Jogos Pan-Americanos de Lima

Os jogos Pan-Americanos de Lima terminam amanhã (11) e a equipe brasileira tem feito história. Até agora são 142 medalhas conquistadas, sendo 46 de ouro, 37 de prata e 59 de bronze, mas o Brasil está na disputa em várias modalidades.

Brasil ganha medalha no atletismoO país caminha para seu melhor desempenho na história dos jogos. O melhor resultado foi em 1963, em São Paulo, quando ficou em segundo no quadro de medalhas. Na ocasião, porém, foram 52 medalhas no total. Atualmente o número de países participantes, modalidades e atletas é muito maior.

As competições de hoje poderão trazer mais medalhas e chances de ouro, para consolidar o Brasil em segundo lugar no quadro geral. O país está na final do golfe masculino e feminino; no remo, e nas categorias de quatro remos e oito remos masculino. O Brasil também briga por medalha em finais na vela, no ciclismo de estrada e na patinação de velocidade.

Estarão em disputa ainda o bronze no polo aquático feminino, contra Cuba, e na natação 1.500 metros estilo livre masculino e 1.500 metros masculino e feminino. No basquete feminino, a seleção brasileira disputa a medalha de ouro contra os Estados Unidos.

No tênis de mesa feminino, o Brasil pode garantir uma medalha se vencer os Estados Unidos em uma das semifinais. Ontem (9) à noite, Jéssica Yamada e Caroline Kumahara venceram as chilenas por 3 sets a 0. Na mesma situação está o time feminino de vôlei. A vitória por 3 x 0 sobre os Estados Unidos garantiu a seleção na semifinal, hoje, contra a Colômbia.

AGENCIA BRASIL 

Jornalista esportivo Juarez Soares morre aos 78 anos

narrador esportivo Juarez Soares, 78 anos, morreu nesta terça-feira (23/07/2019). O contemporâneo e amigo de profissão de referências como Luciano do Valle e Silvio Luiz lutava contra um câncer e faleceu por volta das 13h, em São Paulo, na Santa Casa de Misericórdia.

Divulgação/TV GloboJuarez Soares era conhecido como “China” e teve trabalhos marcantes pela RedeTV!, Globo, SBT, Bandeirantes e na Record.

metropole 

Com gol de pênalti e demora do VAR, Corinthians e Flamengo empatam pelo Brasileiro

Corinthians e Flamengo empataram pelo placar de 1 a 1 em partida da 11ª rodada do Campeonato Brasileiro, disputada na Arena Corinthians, neste domingo (21). Os gols foram marcados pelo corintiano Clayson, de pênalti, e por Gabriel, do Flamengo, ambos no segundo tempo.

Resultado de imagem para gabigolO Corinthians começou o jogo tentando aproveitar os contra-ataques, deixando as principais ações ofensivas para os cariocas. O gol, no entanto, saiu em um momento em que a equipe paulistana equilibrava a posse de bola, indo mais à frente. Aos 12 minutos da segunda etapa, o árbitro marcou pênalti em Vagner Love, derrubado dentro da área por Berrío. Clayson bateu à esquerda do goleiro Diego Alves, que caiu para o lado contrário.

O gol de empate veio aos 39 minutos, mas só foi validado aos 45. Em cobrança de escanteio, Rodrigo Caio cabeceou para bela defesa de Cássio. Gabriel aproveitou o rebote e marcou para o Flamengo, mas o bandeira apontou impedimento. Após minutos de espera, o VAR validou o gol flamenguista, dando números finais à partida.

Com o resultado, o Corinthians sobe da nona para a oitava posição na competição, com 16 pontos e um jogo a menos. O Flamengo continua estacionado na terceira colocação, com 21 pontos, a cinco dos líderes Palmeiras e Santos.

Na próxima rodada, o Corinthians enfrenta o Fortaleza no domingo (28), no Castelão. O Flamengo tem pela frente clássico contra o Botafogo, também no domingo, no Maracanã. Antes disso, porém, a equipe carioca tem compromisso na quarta-feira (24) contra o Emelec, no Equador, pelas oitavas de final da Libertadores.

CORINTHIANS
Cássio; Fagner, Manoel, Gil e Danilo Avelar; Gabriel (Mateus Vital), Junior Urso e Sornoza (Boselli); Pedrinho, Clayson (Everaldo) e Vagner Love.
T.: Fábio Carille.
FLAMENGO
Diego Alves, Rodinei, Rodrigo Caio, Léo Duarte e Renê; Cuéllar (Bruno Henrique), Willian Arão e Diego; Vitinho (Berrío), Gerson (Lincoln) e Gabigol.
T.: Jorge Jesus.
Árbitro: Leandro Pedro Vuaden (RS)
Assistentes: Jorge Eduardo Bernardi e José Eduardo Calza (ambos do RS)
VAR: Daniel Nobre Bins (RS)
Público/Renda: 34.737 pagantes/R$ 2.223.284,60
Cartões amarelos: Clayson (Corinthians); Rodrigo Caio, Berrío, Diego e Rodinei (Flamengo)
Cartão vermelho: Berrío (Flamengo)
Gols: Clayson, de pênalti, aos 16 minutos do segundo tempo (Corinthians); Gabriel aos 46 minutos do segundo tempo (Flamengo).

Fonte: FOLHAPRESS

 

 

 

 

Ex-capitão da seleção, Cafu enfrenta dívidas milionárias

O ex-jogador Cafu, 49, enfrenta dívidas de várias espécies e perdeu, no Tribunal de Justiça, cinco imóveis em pagamentos para cobrir empréstimos milionários.

Resultado de imagem para Ex-capitão da seleção, Cafu enfrenta dívidas milionáriasAlém desses bens, outros 15 imóveis no nome dele e no nome de sua esposa, Regina, estão penhorados por dívidas da Capi-Penta International Player, empresa, constituída em 2004 para gerenciar carreira de atletas, pertence ao casal.

A companhia é cobrada por empréstimos que vão de R$ 1,1 milhão a R$ 6 milhões.

"É um problema particular meu. Posso dar meus imóveis, meu carro, minha casa, posso dar o que quiser como pagamento de dívida", afirmou Cafu à Folha de S.Paulo.

Todos os bens foram adquiridos enquanto Cafu jogava futebol. Há pelo menos 32 imóveis. São apartamentos de 55 a 293 metros quadrados em São Paulo e Alphaville, em Barueri, uma casa, com mais de 2.000 metros quadrados, outra no litoral paulista, de 1.080 metros quadrados, e terrenos no interior. Um deles, em Mairinque, tem 38 mil metros quadrados.

Cafu fez seu último jogo como atleta profissional em 2008, no Milan. Ele estreou no futebol no São Paulo de Telê Santana, depois de ter sido reprovado em nove peneiras. Bicampeão mundial no clube paulista, vestiu ainda as camisas do Juventude, Palmeiras e Roma. Ele é o atleta que mais jogou na seleção brasileira, com 149 partidas, e esteve em três finais seguidas da Copa–1994, 1998 e 2002.

A Capi Penta é réu em um processo movido pela Vob Cred, uma securitizadora que cobra R$ 5,275 milhões da empresa desde 2018.

A Vob baseia a cobrança numa escritura pública de confissão de dívida, com garantia hipotecária do terreno de 38 mil metros quadrados na cidade de Mairinque, adquirido por Cafu em 2005 por R$ 380 mil (R$ 793 mil atuais). Procurada, a empresa não respondeu à reportagem.

Em fevereiro deste ano, o juiz Bruno Paes Straforini, da 1ª Vara Cível de Barueri, determinou o bloqueio do imóvel deste terreno e de mais 14 imóveis no nome de Cafu e Regina.

Os bloqueios também são frutos de cobranças em ações movidas por Valentim Osmar Barbizan, diretor-administrativo da Vob Cred, no valor de R$ 2,691 milhões, e pelo banco ABC Brasil, no valor de R$ 1 milhão. Nessa última, a instituição financeira alerta a Justiça das dívidas fiscais de Cafu que, segundo consta no processo, no final de 2017 já atingiam R$ 407 mil.

O ABC Brasil não foi o único que acusou Cafu de inadimplência. O Banco Industrial foi à Justiça por empréstimo de R$ 3,5 milhões. Como o ex-atleta não quitou a quantia até a data prometida, em julho de 2017, quatro meses após retirar o dinheiro, o ex-capitão da seleção passou a ser cobrado em R$ 6 milhões, com os juros contratuais e honorários.

Além dos imóveis penhorados e bloqueados, outros estão alienados em empréstimo feito por Cafu. A matrícula de dois imóveis, com área total de 1.080 metros próximos do mar em Peruíbe, estão alienados como garantia de uma dívida de R$ 1 milhão com o banco Santander. O ex-jogador terá que quitar esse valor com 96 parcelas mensais (até outubro de 2023) de R$ 23,1 mil cada. Cafu adquiriu os imóveis, em Peruíbe, em agosto de 2008 por R$ 1,4 milhão (R$ 2,9 milhões atuais).

A Fundação Cafu, no jardim Irene, em São Paulo, está inscrita na Dívida Ativa da União com R$ 857 mil. A Capi Penta está inscrita em R$ 598 mil e o próprio Cafu (pessoa física) está sendo cobrado em R$ 235 mil na dívida ativa.

Cafu atendeu a reportagem e disse que não iria falar sobre a sua situação financeira e nem sobre a Capi Penta, principal responsável pelas dívidas que penhoraram os imóveis.

O ex-capitão da seleção disse que falaria apenas sobre a Fundação Cafu. A instituição está com atividades suspensas enquanto, de acordo com Cafu, passa por um processo de "reformulação geral, em termos de projetos e de estatuto".

"Está fechada por um planejamento, é óbvio que estamos com problemas financeiros [na Fundação]", afirmou Cafu. "A Fundação custa R$ 150 mil por mês, e eu que tenho que mantê-la. Se você pesquisar nos últimos anos, as empresas deixaram de investir no terceiro setor. Estou batalhando para deixar nossa fundação em pé, mas isso requer alguns sacrifícios."

Segundo o ex-atleta, a fundação oferece atividades como dança, balé, coral, bateria e informática. Os problemas na instituição se tornaram públicos em 2018, quando funcionários fizeram greve.

O ex-jogador rechaçou a palavra endividamento. "[Financeiramente] estou tranquilo, não posso deixar minhas 950 crianças na rua, porque se eu parar tudo o que estou fazendo hoje, levo minha vida tranquilo. Mas não quero isso", disse o ex-jogador.

Sem jogar, Cafu segue envolvido com o futebol. Ele foi um dos membros do Comitê Organizador Local da Copa América. Em junho, foi anunciado pelo Comitê Organizador da Copa de 2022, no Qatar, como o embaixador no Brasil.

Fonte: Folhapress

COPA EXTREMO SUL 2019: Secretaria Municipal de Esportes anuncia calendário

A maior competição esportiva do sul piauiense poderá contar com 24 equipes.

Essa é a proposta inicial, que sinaliza com premiação de 50 mil reais, caso o número previsto de inscrições se confirme.

O valor da inscriçao é de 2.000,00 que será revertido em sua totalidade para a premiação.

Caso o númerio de equipes almejada não seja alcançado, a premiação será o valor arrecado, de acordo com o número de equipes inscritas.

As inscriçoes serão encerradas dia 20 de julho, data em que será realizado congresso técnico para assinatura do regulamento, sorteio de grupos e eleboração da tabela.

O início da competição será dia 31 de agosto. No período que antecede esta data, as equipes terão tempo para inscrições e inclusão de dados dos atletas no site da comeptição.

Todos os jogos serão realizados em Corrente com possibilidade de rodada dupla, caso a iluminação do estádio esteja pronta.

Entre as novidades a Copa deverá ter todos os seu jogos transmitidos em tempo real em áudio e vídeo.

Todos os jogos serão realizados em Corrente

 Fonte Portal f10 

Peru vence Chile e faz final da Copa América com Brasil

A seleção do Peru venceu hoje a equipe do Chile por 3 a 0 e disputará a decisão da Copa América com o Brasil no próximo domingo no estádio do Maracanã. Esta será uma final inédita da competição.

Soccer Football - Copa America Brazil 2019 - Semi Final - Chile v Peru - Arena do Gremio, Porto Alegre, Brazil - July 3, 2019   Peru's Victor Yotun celebrates celebrates scoring their second goal with team mates       REUTERS/Diego VaraCom a classificação de hoje, o Peru retorna a uma final de Copa América após um hiato de 44 anos. A última vez em que jogou uma decisão do torneio foi em 1975, quando ficou com o título.

O jogo

O jogo realizado nesta quarta (3) na Arena do Grêmio, em Porto Alegre, começou muito movimentado. A seleção peruana se posiciona no campo do adversário e realiza marcação sob pressão.

E esta pressão dá resultado logo com 2 minutos, quando o Peru tem uma chance clara de abrir o placar. Carrillo toca em profundidade para Guerrero, que se livra de Medel e toca para Cueva, que, da entrada da área, chuta com perigo.

Mas a equipe do Chile aproveita os espaços dados pela defesa peruana para chegar com perigo no contra-ataque. Aos 6 minutos Alexis Sánchez recebe na ponta esquerda e toca para o lateral Beausejour, que cruza para o volante Aránguiz chutar, por pouco, para fora.

Porém, quem consegue fazer o 1 a 0 é o Peru. Aos 20 minutos Cueva recebe na ponta direita, cruza para a área, Carrillo escora de cabeça para Flores, que chuta cruzado para vencer o goleiro Arias.

Com a vantagem no placar, a seleção peruana adota uma postura mais conservadora, com a defesa mais recuada e com menos pressão na marcação. Isto permite ao Chile crescer um pouco no jogo.

Mas, aos 37 minutos, a defesa do Chile sofre um apagão e permite que o Peru marque o segundo gol. Carrillo recebe lançamento livre na ponta direita. O goleiro Arias sai da grande área para tentar cortar a bola. Mas o meia peruano dribla o goleiro chileno e cruza para o meio da área. Yotún mata no peito e chuta para o gol vazio.

A partir de então o Chile parte com tudo para o ataque. E aos 43 minutos tem ótima chance de descontar. Aránguiz cobra escanteio e Fuenzalida pega de primeira para boa defesa do goleiro Gallese. Mas o placar não sofre mais alteração até o intervalo.

Gallese brilha

O Chile começa o segundo tempo pressionando muito. Logo aos 5 minutos consegue uma boa chance. Aránguiz cobra falta e Alexis Sánchez finaliza de cabeça, mas a bola bate na trave do gol de Gallese.

Por outro lado, o Peru aproveita os espaços para contra-atacar com perigo. Aos 14 minutos Carrillo avança em velocidade e toca para Guerrero, que encontra Cueva. O meia deixa Yotún na cara do gol. Mas ele chuta muito mal, perdendo uma ótima oportunidade.

Aos 22 minutos são os chilenos que chegam com perigo. Beausejour recebe lançamento na ponta esquerda e bate de primeira. A bola vai com muito perigo, mas Gallese espalma para fora.

Aos 29 minutos o goleiro peruano volta a brilhar. O Peru perde a bola no campo de ataque e permite contra-ataque rápido do Chile. Com isso Eduardo Vargas recebe lançamento e fica livre para finalizar. Mas Gallese sai bem do gol e consegue espalmar a bola para fora.

Aos 36 surge nova chance do Chile. A bola sobra na entrada da grande área e Alexis Sánchez chuta com força e colocado para ótima defesa do goleiro peruano.

Se por um lado o Chile não conseguia marcar, o Peru não desperdiça as poucas oportunidades que tem. Assim, aos 45 minutos Guerrero marca o seu. Ele recebe passe em profundidade de Tapia na entrada da área, dribla Arias e toca para o gol vazio.

Com este gol Guerrero se torna o maior artilheiro em atividade da história da Copa América com 13 gols.

Aos 48 minutos Abram derruba Aránguiz dentro da área e, com o auxílio do VAR (árbitro de vídeo), o juiz colombiano Wilmar Roldán assinala pênalti. Eduardo Vargas cobra com uma cavadinha, mas perde a oportunidade de marcar o gol de honra de sua equipe ao ver Gallese pegar seu pênalti. Partida espetacular do goleiro peruano e vitória de 3 a 0 do Peru.

Final

A final da Copa América será no próximo domingo, no estádio do Maracanã, a partir das 17h (horário de Brasília).

O Brasil busca seu nono título na competição (a última conquista foi em 2007). Já a seleção do Peru busca seu terceiro título, após as conquistas de 1939 e 1975.

As seleções do  Brasil e Peru já se enfrentaram nesta edição da Copa América, com vitória de 5 a 0 da equipe brasileira em jogo válido pela 3ª rodada da fase de grupos da competição.

Ficha técnica:

Quarta-feira, 3 de julho de 2019

CHILE 0 X 3 PERU

Competição: Copa América (semifinal).

Local: Arena do Grêmio, Porto Alegre.

Juiz: Wilmar Roldán (Colômbia).

Chile: Arias; Isla, Medel, Maripán (Castillo) e Beausejour; Pulgar, Aránguiz e Vidal; Fuenzalida (Sagal), Eduardo Vargas e Alexis Sánchez. T: Reinaldo Rueda.

Peru: Gallese; Advincula, Abram, Zambrano e Trauco; Yotún, Tapia, Carrillo (Polo), Cueva (Ballón) e Flores (Gonzáles); Paolo Guerrero. T: Ricardo Gareca.

Gols: No 1º tempo: Flores (20) e Yotún (37). No 2º tempo: Guerrero (45).

ebc

Gabriel Jesus ofusca Messi, Brasil vence Argentina com 'olé' no Mineirão e vai à final da Copa América

A torcida comemorou mesmo antes do apito final do juiz. O Brasil já vencia por 2 a 0 quando os gritos de olé tomaram conta do Mineirão.

Imagem relacionadaAtordoados em campo, os argentinos apelavam para faltas duras e não tinham forças para sequer diminuir o placar. Isso tudo a partir dos 25 minutos do segundo tempo.

Mas o jogo não foi todo assim. Começou nervoso, com as duas equipes errando muitos passes e uma certa violência, porém, depois de bela jogada que começou com Philippe Coutinho, passou por Daniel Alves, Firmino, e terminou em Gabriel Jesus, o Brasil abriu o placar aos 18 minutos.

Só que aí o Brasil recuou. Recuou demais, deu espaço para a desorganizada Argentina que chegava aos trancos e barrancos e confiando em um lampejo de Messi. E teve chance: colocou bola no travessão, obrigou a zaga brasileira a trabalhar muito.

Veio o segundo tempo e nada mudou, Brasil recuado, Argentina pressionando. outra bola na trave, defesa de Alisson em falta cobrada por Messi até que Gabriel Jesus fez a diferença, ele avançou pela esquerda, ganhou da defesa argentina na corrida, driblou dois e deixou Roberto Firmino na cara do gol para ampliar, 2 a 0.

Para os argentinos, sobrou reclamação, principalmente de dois possíveis pênaltis durante a partida. Para os brasileiros, havia começado a festa.

E o grande líder desta festa foi o capitão Daniel Alves. 36 anos, mas com fôlego de menino. Melhor jogador em campo e muita felicidade ao deixar o Mineirão.

Quem também comemorou foi Gabriel Jesus, ele que passou em branco na copa de 2018 e tinha perdido um pênalti contra o Peru na Copa América, fez uma de suas melhores partidas com a seleção.

Que 7 a 1, que nada! O mineirão é o local de derrotar a argentina. foi nas eliminatórias de 2016, e agora novamente na Copa América. Para Messi e companhia, será mais um ano sem títulos.

Para o Brasil, a chance de, no dia 7 de julho, levantar o caneco, no Maracanã, da Copa América 2019.

ebc

COPA AMÉRICA: Brasil pega o Paraguai nas quartas de final

Com a conclusão da fase de grupos da Copa América hoje (24), ficou definido que o Paraguai será o adversário do Brasil nas quartas de final da competição, na próxima quinta-feira (27).

Brasil faz jogo amistoso contra a seleção de Honduras, no Beira-Rio, em Porto AlegreO Brasil chega ao confronto como o primeiro colocado do grupo A, com duas vitórias e um empate.

Já o Paraguai se classificou como um dos melhores terceiros colocados da competição, após empatar duas partidas e perder uma pelo grupo B.

Vale lembrar que, nas edições de 2011 e de 2015 da Copa América, o Brasil acabou desclassificado nas quartas de final pelo Paraguai.

ebc 

Aluno do CCFV é vice-campeão brasileiro de natação

O aluno do Centro de Convivência e Fortalecimento de Vínculo (CCFV) Thalyson Raylson Campos de 17 anos de idade, participou com destaque do campeonato brasileiro de natação na cidade de Brasília-DF, acompanhado do facilitador e treinador, Augusto Afonso Neves de Padua.

Aluno do CCFV é vice-campeão brasileiro de natação Vale destacar que o CCFV é um projeto mantido pela Prefeitura Municipal de Corrente, através da Secretaria de Trabalho e Cidadania.

O atleta Thalyson participou com brilhantismo em algumas modalidades da natação: nas provas de 25 metros crawl, obteve o segundo lugar (vice-campeonato);nos 25 metros peito, alcançou o terceiro lugar; e nos 50 metros livre, obteve a quarta posição.

Ao jovem Thalyson os parabéns por ter representado com honra e brilhantismo a sua cidade. E a Prefeitura de Corrente o reconhecimento pelo investimento no social, revelando vidas e valores para o cenário esportivo brasileiro.

ascom

Atleta de Corrente é campeão brasileiro de jiu-jitsu

O correntino e atleta de jiu-jitsu Alex de Souza Cunha, conquistou o campeonato brasileiro de Jiu-jitsu pela confederação brasileira de jiu-jitsu esportivo (CBJJE), na categoria médio (até 82.3 kg), faixa branca – adulto, ocorrido em São Paulo/SP, no complexo esportivo Ibirapuera.

O jovem atleta Correntino (19 anos) atualmente reside em São Paulo, onde treina na equipe homem de pedra (Sensei Dênis Seixas), residente da comunidade Paraim de cima, zona rural do município, revelado pelo Projeto Social “Guerreiros” da equipe Domínio/Nova União filial de Corrente/PI, projeto este que conta com o apoio da Prefeitura Municipal de Corrente, demonstrou raça e determinação ao sagrar-se vitorioso na competição nacional.

Nas redes sociais, o atleta fez questão de agradecer o apoio dos familiares, seus atuais e antigos colegas de treino, pois, muitas vezes foi desacreditado por ser de família humilde e de baixa renda, contudo, enfatizou que sua vontade de vencer era maior que qualquer adversidade.

O atleta correntino agora prepara-se para outros eventos de nível nacional, almejando a busca de novos desafios e consequentemente títulos, o mesmo deverá retornar a sua cidade natal em julho para rever familiares e amigos.

Fonte: Portal R10

Brasil enfrenta a Austrália na segunda rodada da Copa feminina

Nesta quinta-feira(13), Brasil volta a campo com a expectativa de conquistar a segunda vitória e tentar uma classificação antecipada para as oitavas de final da Copa do Mundo de Futebol Feminino.

Seleção do Brasil na Copa do Mundo de Futebol Feminino - França 2019. Se ganhar, o Brasil quebra um jejum de cinco jogos sem vencer a Austrália. A última vitória brasileira foi nas Olimpíadas do Rio (2016), quando as australianas foram eliminadas nos pênaltis. A goleira Bárbara defendeu duas cobranças e garantiu a classificação para a semi-final.

Rio de Janeiro - Seleção brasileira de futebol feminino disputa semifinal com a Suécia, no Maracanã. O Brasil perde nos pênaltis e vai disputar o bronze (Fernando Frazão/Agência Brasil)
Rio de Janeiro - Seleção brasileira de futebol feminino nas Olimpíadas do Rio (2016).  Fernando Frazão/Agência Brasil

Mas vale lembrar que a Austrália foi a carrasca do Brasil na última Copa. Em 2015, as “matildas” eliminaram as brasileiras prematuramente, nas quartas de final.

Técnico da Seleção Brasileira de Futebol Feminino, Vadão, participa de entrevista coletiva na Copa da França - 2019.
Técnico da seleção brasileira feminina, Vadão, participa de entrevista coletiva na Copa da França - 2019. - Foto: Assessoria / CBF

Em entrevista coletiva, um dia antes da partida, o técnico Vadão não confirmou a participação da atacante Marta no jogo desta quinta-feira. A goleira Bárbara revelou que Marta treinou com bola e está com sangue nos olhos para entrar em campo e sair com a vitória. “A Marta se sente preparada para entrar em campo. Essa fome de bola que ela tem é incrível. Ela está com fome de bola, ela se sente 100%. Se depender dela, ela joga sim. Eu tenho certeza que se ela entrar no jogo vai fazer total diferença”, disse Bárbara.

Brasil x Austrália

As seleções já se enfrentaram 18 vezes. As australianas venceram nove jogos, sendo um deles com a goleada de 6 a 1. As brasileiras ganharam oito vezes. E o outro jogo terminou empatado.

Pelo Grupo C, Brasil joga contra a Austrália às 13h, no estádio de la Mosson, em Montpellier.

Arbitragem: Staubli Esther (Suiça). Assistentes: Massey Sian (Inglaterra) e Kung Susanne (Suiça).

África do Sul x China

As equipes já se enfrentaram quatro vezes. A China venceu todas as partidas. A última delas foi nas Olimpíadas do Rio, quando as chinesas ganharam de 2 a 0, na fase de grupos.

Pelo Grupo B, África do Sul encara a China às 16h, no estádio Parc des Princes, em Paris.

Arbitragem: Kulcsar Katalin (Hungria). Assistentes: Torok Katalin (Hungria) e Rodak Sanja (Croácia)

Relembre os jogos da primeira rodada

Grupo C

Brasil 3 x 0 Jamaica

Austrália 1 x 2 Itália

Grupo B

Alemanha 1 x 0 China

Espanha 3 x 1 África do Sul

ebc 

Jogos do Palmeiras nas oitavas da Libertadores ficam fora da Globo e serão exclusivos da TV fechada

Único time paulista na disputa da Copa Libertadores 2019, o Palmeiras conheceu nesta semana o Godoy Cruz como adversário das oitavas de final da competição e as datas e os horários dos jogos de ida e volta, divulgados pela Conmebol nesta terça-feira (14). O que chama atenção é a ausência do no horário nobre da TV Globo e ficando com a transmissão exclusiva para TV fechada.

 Os jogos do Palmeiras foram marcados para os dias 23 e 30 de julho (ida e volta, respectivamente), em duas terças-feiras, ambos confrontos com início a partir das 21h30 (de Brasília). De acordo com a tabela detalhada divulgada pela Conmebol, os jogos do Verdão serão transmitidos pelo FOX Sports.

CONFIRA A TABELA DOS TIMES BRASILEIROS NA LIBERTADORES:

River Plate x Cruzeiro

IDA: 23 de julho (terça-feira), às 19h15 – Buenos Aires, Argentina

VOLTA: 30 de julho (terça-feira), às 19h15 – Belo Horizonte, Brasil

Godoy Cruz x Palmeiras

IDA: 23 de julho (terça-feira), às 21h30 – Mendoza, Argentina

VOLTA: 30 de julho (terça-feira), às 21h30 – São Paulo, Brasil

Nacional x Internacional

IDA: 24 de julho (quarta-feira), às 19h15 – Montevidéu, Uruguai

VOLTA: 31 de julho (quarta-feira), às 19h15 – Porto Alegre, Brasil

Athletico-PR x Boca Juniors

IDA: 24 de julho (quarta-feira), às 21h30 – Curitiba, Brasil

VOLTA: 31 de julho (quarta-feira), às 21h30 – Buenos Aires, Argentina

Emelec x Flamengo

IDA: 24 de julho (quarta-feira), às 21h30 – Guayaquil, Equador

VOLTA: 31 de julho (quarta-feira), às 21h30 – Rio de Janeiro, Brasil

Grêmio x Libertad

IDA: 25 de julho (quinta-feira), às 21h30 – Porto Alegre, Brasil

VOLTA: 1 de agosto (quinta-feira), às 21h30 – Assunção, Paraguai

*Horários de Brasília.

CONFIRA A TABELA DETALHADA DAS OITAVAS DE FINAL:

Fórmula 1: Valtteri Bottas vence o GP da Austrália

O piloto filandês Valtteri Bottas, da Mercedes, começou 2019 vencendo depois de passar a temporada anterior sem uma vitória se quer. Esta foi a quarta vitória de Bottas na Fórmula 1.

Resultado de imagem para Fórmula 1: Valtteri Bottas vence o GP da Austrália Ele inaugurou uma nova regra da principal categoria do automobilismo neste ano, conseguiu o ponto extra, por fazer a volta mais rápida no circuito de Melbourne: 1’25”580. Bottas ficou 56 das 58 voltas na liderança. Max Verstappen liderou por duas voltas quando Bottas foi para o boxe.

A Mercedes fez dobradinha no Grande Prêmio da Austrália com o piloto inglês Lewis Hamilton, que chegou em 2º lugar, 20 segundos atrás do Bottas. Hamilton repetiu o mesmo resultado dele no GP da Austrália do ano passado, quando fez a pole mas, na corrida, terminou na segunda colocação. 

Hamilton reconheceu a vitória do companheiro de equipe. Bottas disse ter sido a melhor corrida da sua carreira.

Em terceiro lugar, ficou o holandês Max Verstappen, da Red Bull.

A Ferrari não conseguiu subir ao podium. Ficou em quarto lugar, com alemão Sebastian Vettel e em quinto, com francês Charles Leclerc.

Classificação do mundial de pilotos

Valtteri Bottas (Mercedes): 26 pontos.

Lewis Hamilton (Mercedes): 18 pontos.

Max Verstappen (Red Bull Racing): 15 pontos.

Sebastian Vettel (Ferrari):  12 pontos.

Charles Leclerc (Ferrari): 10 pontos.

Kevin Magnussen (Haas): 8 pontos.

Nico Hulkenberg (Renault): 6 pontos.

Kimi Raikkonen (Alfa Romeo): 4 pontos.

Lance Stroll (Racing Point): 2 pontos.

E Daniil Kvyat (Toro Rosso): 1 ponto.

 

Oito equipes marcaram pontos e a Mercedes lidera com 44 pontos seguida pela Ferrari com 22 e Red Bull com 15.

A próxima prova será a de número 999, dia 31 de março, no Barein, no Oriente Médio.

A milésima será o Grande Prêmio da China, em 14 de abril.

IBC X B.Rio frente a frente em semifinal da copa Extremo Sul 2018

A confirmação foi depois da vitória do IBC em cima do Real Santa Maria de Formosa – BA jogo duro saiu por 3x 2 para a equipe de Corrente IBC, O jogo foi na tarde desse domingo no Estádio Paraguasu.  

Equipe Beira Rio a primeira imagem e em seguida IBC se enfrentaram na primeira semifinal da copa extremo sul 2018 será jogão de bola pra ninguém botar defeito será uma revanche para a equipe do IBC que perdeu a final do municipal   esse ano 2018 para o Beira Rio.       

Ontem outra grande vitória da equipe do Beira Rio Atual campeã despachar a equipe de CJ por 3x1 com gols do Beira Rio marcados por Iury, Mayk e Drey o gol de honra do CJ de Alto Parnaiba-PI  foi marcado por Artur.

Confira mais imagens das partidas de ontem e  hoje

A imagem pode conter: 5 pessoas, multidão, árvore e atividades ao ar livreA imagem pode conter: 3 pessoas

Ex Prefeito de Corrente Ribeiro Mascarenhas sendo entrevistado por Odair da equipe de esportes da cerrado fm  

A imagem pode conter: 11 pessoas, pessoas em pé, céu, atividades ao ar livre e natureza

Fotos: Portal f10 e Igor Rodrigues 

Da Redação 89 99906 8076

River vence por 3 x 1 o Boca Juniors e conquista a Libertadores

Em uma partida emocionante, o River Plate venceu por 3 x1 o Boca Juniors, no estádio Santiago Bernabéu, em Madri (Espanha), no jogo de volta da final da Taça Libertadores, nesse domingo (9). A partida foi decidida na prorrogação, após o jogo ter terminado em 1 a 1, no tempo normal.

-FOTODELDIA- GRAFCAT1174. MADRID, 09/12/2018.- Los jugadores de River Plate con la copa tras vencer a Boca Juniors en el partido de vuelta de la final de la Copa Libertadores que ambos equipos han jugado esta noche en el estadio SantiagoO jogo final da Libertadores, realizada no estádio do clube espanhol Real Madrid, foi cercada de segurança e apreensão, depois que há 15 dias, torcedores do River atacaram o ônibus em que estavam os atletas do Boca Juniors, antes da partida, em Buenos Aires.

Esse episódio levou a Conmebol, a Confederação Sul-Americana de Futebol, a marcar a partida final fora da Argentina. Com a conquista da Libertadores, o River Plate se habilita a disputar o Campeonato Mundial de Clubes, no dia 18 deste mês, nos Emirados Árabes.

Nas semifinais do mundial de clubes, a equipe argentina vai enfrentar o vencedor dos jogos entre o Espérance de Tunis, da Tunísia, Al Ain, dos Emirados Árabes, e Team Wellington, da Nova Zelândia, esses dois últimos, que se enfrentam na abertura da competição. Na outra chave da competição, estão o Real Madrid, Kashima Antlers (campeão da Ásia) e o Chivas Guadalajara (campeão da Concacaf).

A final da Libertadores foi acompanhada por celebridades do esporte, como o argentino Lionel Messi, o técnico Diego Simeone, ídolo do River como jogador e técnico, e o presidente da Federação Internacional de Futebol (Fifa), Gianni Infantino. O primeiro-ministro da Espanha, Pedro Sánchez, também assistiu ao jogo.

*Com informações da EFE

Palmeiras goleia América Mineiro mas o Fla estraga título antecipado do Porco

A 36ª rodada da série A do Campeonato Brasileiro teve seis jogos realizados nessa quarta-feira (21): Internacional 1 a 2 Atlético Mineiro; Santos 1 a 1 Botafogo; Cruzeiro 3 a 0 Vitória; Atlético Paranaense 1 a 0 Corinthians; Flamengo 2 a 0 Grêmio e Palmeiras 4 a 0 América Mineiro.

Resultado de imagem para flamengo Com esses resultados, o Palmeiras segue na liderança, agora com 5 pontos e mesmo goleando o América Mineiro não conseguiu antecipar a conquista do título porque o Flamengo, seu mais próximo perseguidor, também venceu sua partida e manteve a diferença para o líder em 5 pontos, faltando duas rodadas para o fim do campeonato. O Palmeiras tem 74 pontos e o Flamengo 69.

 Os outros quatro jogos da rodada serão realizados nesta quinta-feira (22): Vasco e São Paulo; Chapecoense e Sport; Bahia e Fluminense e Ceará e Paraná.

 Na zona de rebaixamento estão América Mineiro, com 37 pontos; Chapecoense e Sport com 37 e 38 pontos, respectivamente; Vitória, com 36 pontos e Paraná, 22.

 O artilheiro da série A é Gabigol, do Santos, autor de 17 gols.

ebc 

© 2017 Corrente é notícia, todos os direitos reservados