HOMICÍDIO: Policias de Corrente e Goias prendem acusados da morte de Gilson em Águas Lindas - GO

Policias militar do GO e Corrente prenderam na noite dessa terça feira (17) em Aguas Lindas – GO os dois suspeitos da morte de Gilson Ribeiro ocorrido no ultimo domingo (15) no bairro aeroporto aqui em Corrente.

A imagem pode conter: 1 pessoa

"Paulinho" 

A imagem pode conter: 1 pessoa

 

 Clebson Ribeiro Lima (Dan)

Os suspeitos detidos são “Paulinho” o pai e o filho conhecido por “Dan” foram detidos em Aguas Lindas - GO, Nas próximas horas os dois devem ser recambiados para Corrente – PI.

"Bom dia,os envolvidos no homicídio que culminou morte do GILSON no último domingo dia 15/10 DAN E PAULINHO foram presos em Águas Lindas-GOIAS ,nas próximas horas irão ser recambiados para o Estado do Piauí,graças de uma ação conjunta dos Policiais Militares de Corrente do Delegado e dos nossos amigos PMS da nossa co irmã da PMGO" Essa informação o nosso portal corrente noticia teve acesso foi confirmada pelo comandante do 7º BPM de Corrente Major Hortencio e pelo Delegado Leandro Damasceno. 

Atualizado as 10:00

A imagem pode conter: 2 pessoas, pessoas sentadas  

DELEGADO LEANDRO DAMASCENO

Corrente e Noticia: Dr. Leandro senhor confirma a prisão dos acusados do homicídio do Gilson em Corrente no ultimo domingo(15)?   

“Sim. Foram capturados, inclusive com a prisão preventiva já decretada pelo Dr. Carlos Marcello. Graças à Deus conseguimos dar essa pronta resposta a sociedade de Corrente, Toda a equipe da delegacia de Corrente, juntamente com as Policias de Agua Lindas, bem como Delegacia de lá, empenhada nesta missão na madrugada de hoje” Delegado Leandro Damasceno para o portal corrente e noticia.

Mais sobre o assunto 

http://correnteenoticia.com.br/index.php/geral/9765-domingo-violento-briga-entre-duas-familias-deixa-um-morto-e-dois-feridos

http://correnteenoticia.com.br/index.php/policial/9772-violencia-no-aeroporto-o-que-diz-o-delegado-dr-leandro-sobre-o-caso-em-acabou-com-um-morto-e-dois-feridos

Da Redação 89 99906 8076    

VEJA TAMBÉM

RENOVA SAÚDE: Depois de repercussão negativa,Governo agora promete implantar programa em Corrente

O secretário de Estado da Saúde, Florentino Neto, apresentou à vice-governadora Margarete Coelho as ações da pasta que serão realizadas, ainda em janeiro, na região sul do Estado, contemplando especificamente as regiões de Corrente e São Raimundo Nonato.

Resultado de imagem para hospital de corrente piauiPara essas localidades, serão desenvolvidos os programas Passo à Frente e modernização de equipamentos hospitalares, pelo Renova Saúde. A apresentação ocorreu, nesta quinta-feira (11), no Centro Administrativo e teve a participação da equipe técnica da Secretaria.

Pelo Renova Saúde, em São Raimundo Nonato, o Hospital Regional Senador Cândido Ferraz vai receber cerca de R$ 600 mil em equipamentos, que vai permitir a modernização de duas salas do centro cirúrgico. Com isso, o Hospital deve aumentar a quantidade de procedimentos cirúrgicos, além de fortalecer a resolutividade clínica e cirúrgica. “Dotar o hospital com vários equipamentos, inclusive equipamentos de ponta, para reestruturar as duas salas cirúrgicas, é um ganho importantíssimo para toda população”, ressaltou a vice-governadora.

“Com o Renova Saúde, vamos levar, inicialmente, mais de R$12 milhões em investimentos para modernizar os hospitais. Já neste sábado, dia 13, entregaremos equipamentos para o Hospital de Floriano e ainda em janeiro, iremos entregar os equipamentos no Hospital de São Raimundo Nonato”, afirmou Florentino, assegurando que o Hospital Regional João Pacheco Cavalcante, em Corrente, também será beneficiado com o Renova Saúde. Aquela unidade vai receber aproximadamente R$ 1 milhão em equipamentos na segunda etapa do programa.

Pelo Passo à Frente, Corrente e os municípios do seu entorno vão receber a primeira etapa do programa, que consiste na mobilização dos gestores municipais. A reunião inicial vai ocorrer em janeiro, quando será apresentado o formato e os critérios para as pessoas com deficiência ter acesso ao programa. 

O Passo à Frente já beneficiou mais de 4 mil pessoas em mais de 50 municípios com a entrega de equipamentos ortopédicos. O programa já esteve em São Raimundo Nonato, conontemplando mais de 300 pessoas de Anísio de Abreu, Bonfim do Piauí, Coronel José Dias, Caracol, Dirceu Arcoverde, Dom Inocêncio, Fartura, Guaribas e Jurema.  

“Agora, vamos mobilizar as equipes da Secretaria para que esses programas cheguem rapidamente a esses municípios e possam servir à população”, comemorou Margarete.

ascom 

Mil eleitores do Piauí já estão aptos a votar com título digital em 2018 FACEBOOK

Disponibilizado pela Justiça Eleitoral em dezembro do ano passado, o aplicativo e-Título que permite acesso, por meio do smartphone ou tablet, a uma via digital do título eleitoral, já está sendo utilizado no Piauí. Até hoje, 12 de janeiro de 2018, já foram emitidos 1.133 títulos eleitorais pelo aplicativo e-Título no Estado.

Para ter acesso ao documento digital, o eleitor deverá baixar o aplicativo e-Título, que já está disponível no Google Play e no App Store. Ao inserir no aplicativo, o número do seu título eleitoral, seu nome, o nome da mãe e do pai e a data de nascimento, o e-Título será validado e liberado. O e-Título foi desenvolvido em uma plataforma híbrida e pode ser utilizado por aparelhos que usam a plataforma Android e IOS.

Ao ser acessado pela primeira vez, o documento será gravado localmente e ficará disponível ao eleitor. A versão digital do título consta a foto do eleitor, mas somente aquele que já fez o recadastramento biométrico, ocasião em que foi capturada a foto junto com suas impressões digitais. Com a versão digital do seu título, o eleitor que já fez a biometria poderá se identificar e votar nas Eleições Gerais de outubro de 2018.

Contudo, os eleitores que ainda não fizeram o recadastramento biométrico podem baixar o aplicativo para usar no dia da eleição, mas terão de apresentar um documento de identificação com foto. 

Para a Justiça Eleitoral, o e-Título é uma alternativa à emissão de títulos em papel que representará redução dos custos com a impressão de segundas vias e suprimentos de impressora. Para o eleitor, o benefício consiste na facilidade de ter os seus dados eleitorais sempre seguros e disponíveis, diminuindo os riscos de extravios. O aplicativo e-Título foi desenvolvido pelo Tribunal Regional Eleitoral do Acre (TRE-AC) e está sendo utilizado em todo o país.

Além de obter uma via digital do seu título, ao baixar o aplicativo, o eleitor pode ter acesso a informações sobre a sua quitação eleitoral e um QR Code que pode ser utilizado para validação dessa informação fornecida pela Justiça Eleitoral.

Fonte: TRE

Grave acidente mata quatro pessoas no Sul do Estado; duas crianças sobrevivem

Um grave acidente provocou a morte de quatro pessoas no fim da tarde dessa quinta-feira (11) na PI -141, estrada que liga as cidades de Canto do Buriti e Eliseu Martins, localizadas no Sul do Estado. Três vítimas eram da mesma família.

Os veículos envolvidos no acidente foram um Nissan/Versa, placa OKX-7854, da Bahia e um Gol de placa OSL-0836, do Ceará.  O delegado Yan Brayner, da Delegacia de Canto do Buriti, informou que um dos carros desviou de um buraco da pista e colidiu frontalmente com o outro. No momento da colisão chovia na cidade.

Os condutores dos carros, identificados como José Vieira Rodrigues [motorista do Versa] e José Júlio Pereira Filho [do Gol], morreram na hora. Além deles, mais duas mulheres que estavam no Versa faleceram. 

Os outros ocupantes do carro Nissan, dois irmãos de 5 e 10 anos de idade,  tiveram pequenas escoriações e receberam alta hospitalar. Elas irão retornar ainda nessa sexta-feira (12) ao estado da Bahia, onde moram. 

 

Fotos: Portal Ponto X

O delegado Yan informou, ainda, que não será aberto um inquérito para investigar as causas do acidente, já que os dois condutores morreram. Segundo a Polícia Civil, o buraco que teria provocado o desvio de um dos veículos, existe há tempos e é um risco para outras colisões. 

Os corpos das vítimas foram encaminhados ao Instituto Médico Legal de Teresina. 

cidade verde  

BR 135 tem grave acidente na manhã desta sexta-feira, em Monte Alegre

Um grave acidente na BR 135, em Monte Alegre, 765 km a sudoeste de Teresina, deixou pessoas mortas e feridas na manhã desta sexta-feira (12).

A colisão ocorreu no km 467 da rodovia federal, entre um caminhão Scania e um carro modelo Fiat Uno (placa OSP-8162, de Juazeiro do Norte-CE). 

Uma equipe da Polícia Rodoviária Federal deslocou-se até o local, bem como viaturas do Samu, para realizar o resgate e atendimento das vítimas.

A PRF não soube informar, até o momento, quantas pessoas morreram e quantas ficaram feridas.

Fonte o dia 

RENOVA SAÚDE: Vários hospitais do Piauí serão contemplados! Hospital de Corrente fica de fora

O governador Wellington Dias e o secretário de Estado da Saúde, Florentino Neto, lançam, às 11h, desta terça-feira (9), o programa Renova Saúde para modernização do parque tecnológico da rede hospitalar estadual. Na primeira etapa, serão investidos mais de R$ 12,6 milhões em equipamentos que vão fortalecer a assistência desde a urgência, o diagnóstico, centros cirúrgicos e ainda cuidados intensivos nas UTIs adultas e neonatais.

Imagem relacionada

Hospital Regional de Corrente - Não foi contemplado se quer com uma seringa! Cadê os nossos representantes e olha que muitos dos autores das emendas tem representantes aqui e foram votados aqui nas ultimas eleições. E agora vão dizer o que para o eleitorado de Corrente, Quando chegarem aqui para pedi mais votos?       

De acordo com Florentino, os equipamentos serão substituídos nos hospitais para permitir que os novos estejam em consonância com o atual momento tecnológico. “Se eu tenho equipamentos mais atualizados, eu tenho capacidade diagnóstica melhor, melhores condições de trabalho para os profissionais, assim como uma perspectiva de recuperação mais rápida para o paciente e seu menor tempo de permanência no hospital”, declarou.

Na elaboração do Renova Saúde, um dos pontos priorizados é garantir a melhoria na qualificação da assistência, maior resolutividade e ampliação de acesso aos serviços de saúde à população em todo o Piauí. Para isso, os mais de R$ 12 milhões em investimentos iniciais vão contemplar os hospitais da rede estadual, tanto na capital como no interior, localizados nas diversas regiões do estado do Piauí. 

“Nós faremos uma distribuição de equipamentos agora, mas já estamos realizando outros procedimentos licitatórios, pregões e registros de preços, para que possamos, durante o ano, dar continuidade ao programa Renova Saúde, para que a Secretaria possa sempre investir na renovação tecnológica dos equipamentos utilizados pelos hospitais”, pontua o secretário.

Equipamentos, como de vídeo laparoscopia, vão permitir acesso a procedimentos minimamente invasivos, com redução do período de internação dos pacientes. Esses aparelhos serão destinados a  hospitais de referência do interior, desafogando os serviços na capital.

Outras aquisições, como monitores multiparâmetros, ventiladores pulmonares volumétricos e pressométricos, serão distribuídas de imediato. 

E ainda equipamentos de anestesia, arco cirúrgico, tomógrafo, mesas e focos cirúrgicos vão garantir a melhoria na assistência cirúrgica, assim como aumento na quantidade de procedimentos, principalmente nos hospitais regionais, fortalecendo a descentralização dos serviços de saúde nas macrorregiões do Estado.

Os investimentos iniciais de R$ 12.638.298,12 são oriundos de emendas parlamentares dos senadores Regina Sousa, Ciro Nogueira, Elmano Ferrer e do então senador e hoje governador, Wellington Dias, e ainda dos deputados federais Assis Carvalho, Rejane Dias, Rodrigo Martins, Fábio Abreu, Átila Lira, Silas Freire e Maia Filho, e projetos da Secretaria ao Ministério da Saúde. 

Hospitais contemplados na primeira etapa: 
Maternidade Dona Evangelina Rosa – Teresina
Hospital da Polícia Militar – Teresina
Hospital Getúlio Vargas – Teresina
Hospital Infantil Lucídio Portela - Teresina
Hospital Estadual Dirceu Arcoverde – Parnaíba
Hospital Regional Justino Luz – Picos
Hospital Regional Tibério Nunes – Floriano
Hospital Regional de Campo Maior – Campo Maior
Hospital Regional Chagas Rodrigues – Piripiri
Hospital Local Gerson Castelo Branco – Luzilândia
Hospital Regional Leônidas Melo – Barras
Hospital Regional Manoel de Sousa Santos – Bom Jesus
Hospital Regional Senador Cândido Ferraz – São Raimundo Nonato
Hospital João Luiz de Moraes – Demerval Lobão
Hospital Estadual Francisco Ayres Cavalcante – Amarante
Hospital Regional Senador Dirceu Arcoverde - Uruçuí

Fonte: Cidade Verde 

AIDS EM CORRENTE: Parnaíba - PI, Divulga números de infectados! Em Corrente Secretaria de Saúde diz que não pode!

Porque somente em Corrente PI, A população não pode ter conhecimento do números de pacientes infectados com o vírus da AIDS?

Resultado de imagem para AIDSO portal corrente é notícia tem insistentemente procurado diretamente a Secretaria Municipal de Saúde de Corrente obter esses dados e sempre a Secretaria Sinara Nogueira diz não ter acesso aos dados alegando que o ministério da saúde não informa.

Pois bem em Parnaíba PI litoral, Já foi  divulgado dados até o começo desse mês de janeiro de 2018, Confira abaixo matéria publicada originalmente no portal o dia de Teresina PI.  

PARNAÍBA - PI 

O número de pacientes infectados com o vírus da Aids subiu de 49 para 52, de acordo com os dados coletados no início desta segunda semana  de janeiro de 2018 pelo Centro de Orientação e Apoio Sorológico (Coas), da Secretaria Municipal de Saúde de Parnaíba (Sesa). Atualmente, a instituição faz o tratamento de mais de 350 pessoas contaminadas com a doença que ainda não tem cura.

A médica infectologista do Coas, Renata Beltrão, disse que apesar da intensificação das campanhas de prevenção, o grande desafio ainda é a informação. Ela enfatiza que o contágio não acontece somente via relação sexual, mas também por meio do compartilhamento de qualquer objeto ou meio perfurante que não esteja devidamente esterilizado.

“As pessoas precisam saber e ter consciência de que o vírus pode ser adquirido também por qualquer forma perfurante. Lembramos que cada procedimento que a pessoa fizer, como médico, odontológico, tatuagem, piercing e até mesmo nos salões de beleza, exige de nós um cuidado redobrado porque esses objetos perfurantes precisam ser higienizados de maneira correta”, orientou a médica ao lembrar ainda que a doença também pode ser transmitida de mãe para filho, através da gestação, do parto ou da amamentação.

Os dados coletados no Coas são flutuantes e crescem a cada semana. Além de Parnaíba, a unidade atende também pacientes de cidades vizinhas da Planície Litorânea do Piauí e dos Estados do Ceará e Maranhão.

Periodicamente a Sesa faz a distribuição sistemática e gratuita de preservativos masculino e feminino, além de lubrificantes. No Coas de Parnaíba, situado na Rua Passajarina, 247, no bairro Pindorama, anexo ao prédio da Prefeitura de Parnaíba, são disponibilizados gratuitamente todos os serviços relativos a doença como testes, consultas e exames.

Fonte: Ascom - Parnaiba PI 

Fábio Abreu pede que novos soldados “honrem a PM” e diz que podem desistir

Durante a aula inaugural do curso de formação dos novos soldados da Polícia Militar, o secretário estadual de Segurança, Fábio Abreu, fez um discurso duro e realista aos alunos. 

Abreu ressaltou que o policial militar vivencia uma das profissionais mais estressantes e tensas do mundo.  O secretário pediu que os novos soldados tenham consciência desta realidade e honrem a Polícia Militar, sendo os “guardiões da sociedade”.

“Saibam que vocês irão trabalhar nas ruas, no interior do Estado por, pelo menos 30 anos. Quem tiver pensando outra coisa aqui é bom saber que as portas desse auditório são largas e vocês podem desistir”, disse o secretário. 

O curso de formação tem 900 horas aulas e termina no dia 25 de junho. A partir do dia 26 os novos militares já estarão nas ruas, lotados em batalhões do interior do Estado. 

Reprovados no psicotécnico   

Ao todo, 344 novos soldados iniciaram o curso de formação nesta segunda-feira. O comandante da Polícia Militar, coronel Carlos Augusto Gomes, informou que destes, quatro ingressaram mediante a decisão liminar. 

“Quatro não passaram nos testes psicotécnicos, físicos e no intelectual. Dois não passaram nem no reteste do psicotécnico”, esclarece o comandante. 

Além dos quatro, mais 18 pessoas tiveram liminar concedida pela Justiça para ingressarem na PM após não serem aprovadas em algumas das fases do certame. 

O secretário Fábio Abreu informou que buscará recorrer à Procuradoria Geral de Justiça do Estado em relação às decisões. 

“Também vamos dar conhecimento aos desembargadores sobre o comportamento dessas pessoas”, disse Abreu.

Segundo o comando da PM, o Piauí tem atualmente um déficit de quatro mil policiais militares. A Segurança se preocupa com esse baixo efetivo  e tem como meta fazer novos concursos.

CIDADE VERDE 

CGU vê indício de fraude em quase 346 mil cadastros do Bolsa Família com prejuízo de R$ 1,3 bi

Uma auditoria feita pela CGU (Controladoria-Geral da União), divulgada nesta quinta-feira (4), aponta que 345.906 famílias teriam recebido dinheiro do Bolsa Família sob "fortes indícios" de terem falsificado ou omitido informações de renda no momento do cadastro. O número representa 2,5% do total de beneficiados com o programa no Brasil (13.904.758).

Prejuízo pode ter chegado a mais de R$ 1 bilhão, aponta CGUAo todo, o pagamento para essas quase 346 mil famílias representa até R$ 1,3 bilhão depositados, em dois anos, segundo a auditoria. A maioria dessas famílias com indício de fraude (86%) teria renda subdeclarada entre meio e apenas um salário mínimo, de acordo com a CGU.

Para chegar a essas informações, a CGU comparou as rendas registradas em outras bases de dados oficiais com aquelas declaradas no Cadastro Único, do Bolsa Família.

"Nas situações em que a irregularidade ficar comprovada, após a condução de processo administrativo, serão aplicadas sanções legais, tais como devolução de valor e impossibilidade de retornar ao programa por um ano", informou, em nota, o Ministério da Transparência.

 

 

Em números absolutos, os Estados com mais indícios de fraudes são:
 
  • São Paulo - 58.725 (17% do total)
  • Bahia - 39.759 (11,5%)
  • Rio de Janeiro - 29.566 (8,5%)
  • Pernambuco - 26.839 (7,7%)
  • Minas Gerais - 25.566 (7,3%)
  • Maranhão - 16.939 (4,9%)
Além das quase 346 mil famílias inclusas, o ministério e a CGU identificaram, com ajuda de outros órgãos, cerca de 2,2 milhões de famílias que recebiam benefícios do programa com indícios de inconsistência cadastral.
 
O ministério afirmou ter bloqueado os benefícios para os casos em que as famílias tiveram renda per capita inconsistente identificada entre R$ 170 e R$ 440, visto que se enquadram na regra de permanência --ainda estão aptas a receber, mas, como houve evolução, devem receber menos--, sendo necessário o recadastramento para o desbloqueio. Já para aquelas com renda superior a meio salário mínimo, foi aplicado o cancelamento do benefício.
 
Segundo o ministério, a concessão do benefício tem caráter temporário, devendo o Cadastro Único ser atualizado obrigatoriamente em até dois anos ou quando houver alteração da situação de condição das famílias. Atualmente, 13,5 milhões famílias que vivem em situação de pobreza e extrema pobreza são agraciadas pelo Bolsa Família.
 
Estão na faixa de extrema pobreza famílias com renda mensal por pessoa de até R$ 85. Na faixa da pobreza, estão aquelas que têm renda mensal por pessoa entre R$ 85,01 e R$ 170.
uol

Eleições 2018: condutas vedadas aos agentes públicos começam valer dia 1º

Começam a valer na segunda-feira, 1º de janeiro de 2018, algumas condutas vedadas a agentes públicos em razão das eleições de outubro do ano que vem. As condutas entram em vigor mesmo a Resolução do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) que estabelece o Calendário Eleitoral de 2018, ainda não tenha sido publicada.

Segundo o Tribunal Regional Eleitoral do Piauí (TRE-PI), a partir do primeiro dia do ano novo, portanto, há 9 meses das Eleições de 2018, fica vedado realizar despesas com publicidade dos órgãos públicos federais, estaduais ou municipais, ou das respectivas entidades da administração indireta, que excedam a média dos gastos no primeiro semestre dos três últimos anos que antecedem o pleito. (art. 73, inciso VII, Lei nº 9.504/97).

Fica também proibida, a partir de 1º de janeiro, a distribuição gratuita de bens, valores ou benefícios por parte da Administração Pública, exceto nos casos de calamidade pública, de estado de emergência ou de programas sociais autorizados em lei e já em execução orçamentária no exercício anterior, casos em que o Ministério Público Eleitoral poderá promover o acompanhamento de sua execução financeira e administrativa (Lei nº 9.504/97, art. 73, § 10).

 Os programas sociais a cargo de entidade nominalmente vinculada a eventual candidato ou por este mantida, também não poderão ser executados a partir de 1º de janeiro, ainda que autorizados em lei ou em execução orçamentária no exercício anterior (Lei nº 9.504/97, art. 73, § 11).

As vedações aos agentes públicos estão previstas na Lei das Eleições (Lei 9.504/97).

CIDADE VERDE  Com informações do TRE-PI

Juiz Marcelo Bretas relata como é viver sob ameaça

O juiz da 7ª Vara Criminal do Rio, Marcelo Bretas, visitou o Papa Francisco nesta quarta-feira (27), no Vaticano. Em entrevista à repórter Ilze Scamparini, após o encontro, o magistrado afirmou que não pode levar uma vida normal no Rio de Janeiro por causa das ameaças que sofre desde que assumiu o julgamento dos casos da Operação Lava Jato no estado.

Resultado de imagem para Juiz Marcelo Bretas relata como é viver sob ameaçaQuestionado se pretende deixar o Rio, Bretas admitiu a possibilidade, por questões de segurança. “Não penso no sentido de planejar, de querer, mas existe esse tipo de preocupação, de talvez ser necessário.”

O magistrado disse que não pode viver normalmente na cidade por causa das ameaças e da preocupação com a segurança.

“Se quiser ir à praia tenho que sair do Rio de Janeiro. É triste, mas a liberdade de um juiz, de um agente público que está nessa situação é muito reduzida, para não dizer eliminada. Não posso me dar alguns prazeres simples, como caminhar eventualmente numa praia. No início eu relutava muito. Recusava esse tipo de coisa, mas não mais”, disse Bretas, se dizendo convencido a aceitar as medidas de segurança. “Não tenho nenhum tipo de paranoia quanto a isso. Apenas sigo as orientações. Sou forçado a sair do local em que vivo para me sentir um pouco mais à vontade. Como aqui (em Roma, onde foi concedida a entrevista) onde posso andar na rua com tranquilidade.”

O G1 publicou em abril que o juiz da Lava Jato no Rio chegou a receber três ameaças de morte em uma semana, que estão sendo investigadas pela Polícia Federal. Bretas foi responsável por decretar as prisões de agentes públicos e empresários envolvidos com a corrupção no Rio, entre eles, o ex-governador Sérgio Cabral, o ex-secretário de Saúde do Rio, Sérgio Cortes e os empresários Eike Batista e Fernando Cavendish, da Delta Construções.

Bretas não quis comentar a suspeita da PF que, mesmo preso, o ex-governador Sérgio Cabral estaria financiando a montagem de dossiês contra ele. Cabral nega a acusação e chegou a pedir desculpas por ter se exaltado durante uma audiência com o magistrado.

Encontro com o Papa e análise sobre ameaças a Lava Jato

Sobre o encontro com o Papa, o juiz disse que o sentido da viagem ao Vaticano foi agradecer ao pontífice, com quem teve breve conversa. "Ele tem feito declarações muito oportunas, dirigidas inclusive aos brasileiros. Estamos entrando agora em eleições, um ano muito importante a todos nós. Então, a ideia também era pedir também para que ele mantenha essa pauta, esse tema", explicou.

Perguntado se a Lava Jato está ameaçada por grupos políticos, Bretas disse que ela "sempre esteve e sempre estará": "Não podemos ser ingênuos, acreditando que no meio de uma investigação que envolve algumas pessoas que têm autoridade, alguns agentes políticos, agentes públicos, é ingenuidade acreditar que não vai haver algum tipo de resistência".

Nas últimas semanas o Supremo Tribunal Federal soltou pelo menos 6 réus presos por Bretas. Na entrevista, ele afirmou que não pode criticar decisões de instâncias superiores porque não coincidem com a dele: "O mais importante que o teor da decisão é que a sociedade brasileira confie no poder judiciário. Que ela se depare com uma determinada decisão e tenha certeza que veio de um juiz, de um magistrado com independência funcional e imparcial".

Entretanto, Bretas afirmou que "um juiz de primeira instância tem uma avaliação mais acurada do processo". "Eu tenho impressão que esse juízo que primeiro analisa as provas num primeiro momento tem uma acuidade muito maior, tem um contato maior seja com o acusado, seja com a prova. Quanto mais você sobe em instâncias superiores, a tendência é que as discussões sejam mais doutrinárias".

Confira a íntegra da entrevista

Agradecimento ao Papa sobre discursos contra corrupção

“O sentido da viagem foi para agradece-lo porque ele tem feito declarações muito importantes dirigidas, inclusive, aos brasileiros. Nós estamos agora entrando em um ano de eleição, um ano muito importante para todos nós. A ideia era pedir que ele mantenha essa pauta, esse tema[a corrupção]”.

Ideia de criar um Tribunal internacional contra corrupção

“O Conselho de Direitos Humanos da ONU vem defendendo que seja incluída na competência do Tribunal Penal Internacional esses crimes contra o povo, contra os governados. Na verdade, esses casos de corrupção sistêmica, corrupção governamental em grande escala, cita inclusive o problema do Brasil. Me parece importante em alguns casos, eu estou falando em tese e não do caso brasileiro. Me parece importante, sempre que tiver um comprometimento mais forte de agentes de estado em quaisquer dos poderes, eu acho que pode faltar eventualmente isenção para investigação. Nesses casos, uma competência internacional seria talvez interessante”, disse.

“Esse pode ser um remédio, uma solução. Alteração da competência do Tribunal Penal Internacional que já existe. Ou a própria criação de um Tribunal Internacional constituído especificamente para esses casos. Nós temos já a convenção internacional da ONU contra corrupção, então seria uma questão de adequação. Me parece muito válido”, completou.

Há medidas políticas atrapalhando as investigações no Brasil?

“Dizem que sim. Eu vou dar uma avaliação muito pessoal e inicial para isso. As coisas estão acontecendo, como você acabou de perguntar. Estamos falando de um presente, nem de um passado tão próximo, eu repito o que já disseram. Inclusive o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), o [Luís] Roberto Barroso, o ministro Luiz Fux já se posicionou nesse sentido. Aparentemente, existe sim um movimento por parte de alguns agentes de estado, que eventualmente são investigados ou tem algum interesse em discussão pelas autoridades do Poder Judiciário brasileiro. Tenho impressão sim de que há movimento nesse sentido”, afirmou

“Fala-se as vezes em criar leis que dificultem o trabalho da magistratura, dificultem o trabalho do Ministério Público. Eu tenho a impressão que se alguém quer dificultar uma investigação não está bem-intencionado. É uma avaliação pessoal. Toda investigação tem que ser ampla, livre e transparente. Quando você fala, por exemplo, de aprovar uma legislação na véspera de um recesso, no meio de uma madrugada, isso não tem exatamente a marca da transparência que legitima a atuação de todos os agentes públicos”.

A Lava Jato está ameaçada por grupos políticos?

“Eu acho que sempre esteve e sempre estará. Não podemos ser ingênuos de acreditar que no meio de uma investigação, que envolve algumas pessoas que têm autoridade, alguns agentes políticos e públicos, é ingenuidade achar que não vai ter algum tipo de resistência. É triste porque eventualmente tem-se a ideia de que alguns agentes públicos estão exercendo autoridades para se defender e não para legislar ou administrar em benefício da população e bem da sociedade” (...) “Eu acho que nós temos que contar que sempre vai existir esse tipo de ameaça, mas eu vou confiar sempre e até o fim no Poder Judiciário e na nossa independência”.

Advogados de defesa criticam ‘fatiamento’ dos processos no Rio. Por que é feito dessa forma?

“As investigações, as várias fases como se diz, elas não existem desde o início. Não são conhecidas desde o início. Ao longo das investigações, ao longo do tempo que uma situação acaba mostrando uma outra situação diferente. Uma outra pessoa conta um novo segredo, um novo documento aparece. Essa coisa dinâmica. O que não pode acontecer? Não andar nenhuma investigação, ficar tudo congelado, esperando anos e anos para no final fazer uma investigação com uma conclusão só. Uma denúncia gigante sobre tudo o que aconteceu. Isso é impossível”.

“Na medida em que as situações e os objetos das investigações vão sendo descobertos as ações vão sendo propostas. Se alguém, por exemplo, tem contra si uma medida negativa, que seja uma prisão ou bloqueio de bens, essa pessoa vai ficar nessa situação indefinidamente esperando a conclusão. Nós temos prazos a cumprir, o Ministério Público tem prazo, a polícia também vai investigar e o judiciários tem que tocar o processo. Não podemos esperar a conclusão de tudo. Enfim, essa é a questão: as investigações são dinâmicas. Não se acha um manual do crime passado para descobrir tudo o que aconteceu. Não é tão simples assim”.

O STF soltou seis réus que foram presos em primeira instância. O Judiciário está dividido?

“É natural que no sistema do Poder Judiciário que haja decisões diferentes, o que importa é saber que a decisão judicial é uma só. A decisão de um juiz de primeira instância ela vale até que haja uma outra superior. No momento em que a superior confirma ou muda, esta passa a ser a decisão do Poder Judiciário. Não me cabe criticar uma decisão superior à minha, seja ela qual for porque não coincide com a minha, isso eu não posso fazer”.

“O que é mais importante do que o teor da decisão é que a sociedade brasileira confie no Poder Judiciário. É que ela se depare com uma determinada decisão e tenha certeza de que veio de um magistrado com independência funcional e imparcial. Que não haja nunca dúvidas de que esse magistrado está querendo proteger pessoas ou conhecidos. Esse sentimento de parcialidade é que não pode existir. Agora, decisões num sentindo ou noutro é normal”.

As concessões de benefícios aos réus, está ligada à investigação de baixa qualidade?

“Tenho visto na atualidade que uma das marcas do trabalho do Ministério Público, do Poder Judiciário, das forças tarefa que estão atuando, é que as provas são de muito boa qualidade. Existe uma integração muito boa entre países, as provas de outros países chegam rápido no Brasil para serem utilizadas. Hoje, as provas são de boa qualidade e isso tem permitido sentenças bem fundamentadas”.

Fonte: G1

PIAUÍ: TCE encerra 2017 com R$ 10 milhões de multas a gestores

O presidente do Tribunal de Contas do Estado, conselheiro Olavo Rebelo, divulgou o balanço das atividades no ano de 2017 e encerrou o semestre no TCE-PI com 1.345 processos julgados, 95 licitações suspensas e aproximadamente R$ 10 milhões em multas aplicadas e débitos imputados a gestores e ex-gestores. 

Reunião do Pleno do Tribunal de Contas do EstadoPrefeitos e gestores foram multados por descumprimento de normas legais e irregularidades na aplicação de recursos públicos. Os dados foram fornecidos pelo presidente do TCE-PI, conselheiro Olavo Rebelo, nesta quinta-feira (21). 

“Encerramos o ano com a consciência do dever cumprido e a certeza de que podemos fazer muito mais em 2018”, resume ele. Os julgamentos se referem à soma dos processos apreciados pelo Plenário e pela 1ª e 2ª Câmaras do Tribunal, e incluem prestações de contas de órgãos do Estado e dos municípios, denúncias e representações, registros de atos de pessoal (processos de aposentadoria, admissões, demissões, etc) e apreciação de consultas feitas pelos jurisdicionados ao TCE-PI”, elencou o presidente. 

“São débitos já consolidados, cujas certidões já foram encaminhadas à Procuradoria-Geral do Estado e aos municípios para a execução das dívidas junto aos gestores e ex-gestores condenados. Mas há também outros milhões em débitos imputados ainda em fase de recurso. É difícil estimar o valor que essas licitações englobam porque muitas delas foram suspensas ainda na fase preliminar. Mas, para se ter uma ideia, apenas 39 licitações que seriam realizadas no Idepi (Instituto de Desenvolvimento do Piauí) e foram suspensas por decisão do TCE-PI, totalizavam R$ 42 milhões”, acrescentou Olavo Rebelo. 

fonte TCE 

TRANSITO: Nova lei aumenta pena para condutores que dirigirem alcoolizados

Motoristas que dirigirem alcoolizados ou sob efeito de qualquer outra substância psicoativa terão uma pena maior, de acordo com a Lei 15.546/2017 publicada na última quarta-feira (20). A nova regra define que a pena passa a ser reclusão de 5 a 8 anos, além da suspensão ou proibição do direito de se obter a permissão ou habilitação para dirigir veículo.

Antes da alteração, o tempo de detenção para quem dirigisse alcoolizado era de dois a quatro anos. A nova lei entre em vigor em 120 dias.

Um relatório divulgado pela Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (Strans) aponta que das 51.781 abordagens de veículos feitas pela Operação Lei Seca, 2.625 foram destinados à realização de testes de alcoolemia. O levantamento indica que 140 condutores foram presos em flagrante por embriaguez e outros 160 respondem por processos administrativos por dirigirem sob efeito de álcool.


Foto: Fotos Públicas

Já dados do Detran/PI apontam que 82 pessoas foram multadas no primeiro semestre do ano por dirigir sob influência de álcool. Segundo Levi Gomes, diretor de infrações do Departamento, o álcool altera as faculdades do condutor e é um potencial causador de acidentes e, desta forma, a pena também deve ser potencializada.

“O cidadão já era penalizado com o maior valor de multa, maior pontuação na CNH. A nova regra dobra a quantidade de tempo apenado para quem for pego dirigindo embriagado ao volante”, afirma.

Um condutor que faça o teste do bafômetro e acuse um teor maior que 0,34 miligramas de álcool por litro de ar ou seis decigramas de sangue é encaminhado à Central de Flagrantes, considerado um crime de transito. A infração é considerada gravíssima e o valor da multa é R$ 2.934 mil.

De acordo com o coronel Jaime Oliveira, diretor de fiscalização e operação da Strans, as blitzen da Operação, que iniciou em março deste ano, continuarão no Natal e Ano Novo, de quinta à sábado das 21h às 4h da manhã. As fiscalizações são feitas pela Strans, Detran, PRF, Polícia Civil, BPRE, Polícia Militar e Ciptran, por meio de uma parceria firmada entre as instituições.


Diretor de Operações da Strans, Jaime Oliveira, diz que blitz tentam coibir irregularidades (Foto: Arquivo O Dia)

Opções

As celebrações de fim de ano estão se aproximando e para não correr o risco de se envolver em um acidente e colocar a vida de outras pessoas em perigo o ideal é não misturar ingestão de álcool e direção. Por isso, os teresinenses podem aproveitar os aplicativos de transporte, além dos taxis, que estão circulando cobrando apenas bandeira 1 para os consumidores.

O DIA PI 

Divulgado resultado do concurso do Corpo de Bombeiros; veja lista

O Núcleo de Concursos e Promoção de Eventos (Nucepe) divulgou nesta quinta-feira (21) o resultado oficial da 1ª etapa do certame, que compreende as provas: escrita objetiva e dissertativa. Também foi divulgada a convocação para a 2ª etapa.

 

O candidato que está em primeiro lugar é João Victor de Araújo Marques Alcântara, que conseguiu 65 pontos. O último candidato convocado obteve 52 pontos.

Clique aqui para ver o resultado.

Os candidatos aprovados poderão ser nomeados para qualquer organização do Corpo de Bombeiros Militar do Estado, e o nível de escolaridade exigido pelo certame é o Ensino Médio, ou equivalente. A remuneração inicial para o cargo é de R$ 3.100,00.

Clique aqui para ver a convocação.

Congresso da Argentina aprova reforma da Previdência

O Congresso da Argentina aprovou hoje (19) a proposta de reforma da Previdência que tem como objetivo reduzir o déficit fiscal. Houve um longo debate e violentos confrontos entre manifestantes de oposição e a polícia.

Imagem relacionadaO projeto, que já havia passado pelo Senado, foi aprovado pela Câmara com 128 votos a favor, 116 contra e duas abstenções, depois de árduas negociações políticas do governo para conseguir apoio a um proposta que reduzirá os aumentos previstos para os aposentados.

ebc 

PIAUÍ: Ex-prefeitos de Curimatá e Monte Alegre do Piauí são condenados em ações criminais ajuizadas pelo MPF

A Subseção da Justiça Federal em Corrente, no Piauí, condenou os ex-prefeitos dos municípios de Curimatá José Arlindo da Silva Filho e de Monte Alegre do Piauí Clézio Gomes da Silva, por apropriação de recursos públicos federais. Também foi condenado Bruno Gomes da Silva, ex-secretário de finanças de Monte Alegre e filho de Clézio. As ações penais foram ajuizadas pelo Ministério Público Federal (MPF).

Ex-prefeitos de Curimatá e Monte Alegre do Piauí são condenados em ações criminais ajuizadas pelo MPFJosé Arlindo da Silva Filho - Processo n° 214-77.2016.4.01.4005 - foi condenado a 4 anos e 6 meses, em regime semiaberto, pela Justiça Federal; perda de cargo público, bem como inabilitação por 5 anos para o exercício de cargo ou função pública, eletivo ou de nomeação, pelos crimes praticados durante sua gestão, em 2009.

Clézio Gomes da Silva e o filho Bruno Gomes da Silva - Processo 1905-92.2017.4.01.4005 - foram condenados por apropriação de recursos públicos provenientes do Programa Nacional de Transporte Escolar (PNATE), do governo federal, nos exercícios de 2005 e 2006. A pena a ser cumprida é de 3 anos e 6 meses, sendo a privativa de liberdade substituída pela prestação pecuniária de 30 salários mínimos para cada réu e prestação de serviços comunitários, bem como à perda de cargo público e inabilitação para o exercício de cargo ou função pública, eletivo ou de nomeação, pelo prazo de 5 anos.

Ainda cabem recursos das decisões. 

Assessoria de Comunicação Social

JOÃO MADSON: Deputado participa de projetos sociais de natal e fim de ano

O deputado estadual João Madson participou ativamente de projeto social que acontece todos os anos com objetivo de fazer a alegrias das crianças, Onde elas participam de oficina de leitura, Escrita e futebol.

“Hoje tive a alegria de participar Natal das Crianças do Projeto Renascer na Alegria, da Fundação VIVER COM DIGNIDADE. 
Fundação que atende os Bairros Angelina 1, 2, 3 , 4 e Loteamento Sete Estrelas, atendendo a mais de 250 crianças de 3 a 12 anos, com oficina de leitura, escrita e futebol. Uma linda festa pra criançada.#nataldascrianças#deputadojoaomadison” postagem do deputado João Madson nas redes sócias.

Da Redação 89 99906 8076    

Morre empresário Daniel Lima, dono da 'Princesa do Sul' e outras empresas de ônibus

O empresário Daniel Lima, proprietário da empresa de ônibus Princesa do Sul, morreu na manhã desta quarta-feira (13/12), após sofrer um infarto fulminante.

Daniel tinha 36 anos e também era proprietários das empresas  Transpiauí, Translima e Expresso Floriano, atuando principalmente no Sul do estado.

O corpo do empresário é velado na funerária Pax União, na avenida Miguel Rosa.

Amigos e familiares lamentaram a morte de Daniel, entre eles o secretário de Transportes do Piauí, Guilhermano Pires. "Em nome da Setrans e de seus funcionários, prestamos nossas condolências e deixamos os nossos mais sinceros pêsames aos familiares, amigos e todos os que fazem o transporte intermunicipal de passageiros do Piauí", postou em nota.

Daniel Lima era casado e deixa duas filhas pequenas.

Fonte 180 graus

LUTO: Morte do tatuador e ex. policial do 7º BPM Aydon Aristóteles choca amigos em Corrente

Morreu no final da tarde desse domingo o ex. policial militar do Piauí, Aydon Aristóteles  e Silva Fontenele, Foi lotado no Batalhão de Policia de Corrente 7º BPM da turma do concurso de 2010 e atualmente na Policia Civil do estado do Maranhão onde efetivou depois dá baixa na Policia Militar do Piauí.

A imagem pode conter: 1 pessoa, sorrindoAydon Aristóteles e Silva Fontenele conhecido em Corrente por ter prestado serviços na cidade também como um grande profissional na tatuagem e onde conheceu a jovem Juliana Cavalcante com quem casou e teve uma filhinha.

Mudou se de Corrente para engajar na carreira de Policial Civil no estado do Maranhão a sua morte segundo relatos de amigos nas redes sociais dão conta que possa ter sido afogamento, ainda não se sabe ao certo a verdade sobre a causa da morte. O ocorrido foi em Teresina capital do Piaui. 

A confirmação da morte de Aydon foi através do comandante do 7º BPM Major Hortencio que também lamentou a perda prematura do amigo com quem trabalhou em Corrente, Muitos amigos lamentaram a morte de Aydon em Corrente através da redes sociais.   

  Da Redação 89 99906 8076                 

ALERTA NAS FÉRIAS: Van que vinha para o Piauí capota na Bahia e deixa vários feridos

Uma van que vinha de Brasília com destino ao Piauí capotou na noite desta sexta-feira (08/12) na BR-135, município de Barreiras, no Oeste da Bahia.

Dez pessoas ficaram feridas no acidente e foram socorridas em um hospital local. Chovia na hora do acidente e o motorista da van perdeu o controle do veículo.

Segundo a Polícia Rodoviária Federal, o acidente aconteceu por volta de 21h e  van saiu da pista, capotado em seguida.

O nome das vítimas e suas origens não foram divulgados.

Fonte blog do Vilares 

    Foto: Blog do Sigi Vilares
    Foto: Blog do Sigi Vilares
    Foto: Blog do Sigi Vilares

Morre o sogro do deputado João Madson

O empresário Cardoso de Araújo Filho, 84 anos, sogro do deputado João Madson Nogueira, foi sepultado hoje, às 7 horas no Jardim da Ressurreeição.  

Cardosinho, como era mais conhecido, estava doente há algum tempo.Ele morreu no final da noite de ontem.

Fonte: Blog Feitosa Costa 

Imagem relacionada

© 2017 Corrente é notícia, todos os direitos reservados