ELEIÇÕES 2018: Pesquisa registrada no TSE aponta, W. Dias liderando com folga corrida para reeleição

O governador Wellington Dias (PT) é líder na disputa pela reeleição para o Governo do Estado, com 70,80% dos votos válidos, apontou pesquisa do Instituto Amostragem, encomendada pelo Grupo Meio Norte de Comunicação. A distância sobre os adversários, Wellington Dias seria reeleito para o Governo do Estado no primeiro turno, caso as eleições fossem hoje.

d56bed9e-8b52-407d-9a76-eb16b6451dda.jpgNesse cenário, Wellington Dias disputa com o prefeito de Teresina, Firmino Filho (PSDB), acompanhado do deputado estadual Doutor Pessoa (PSD),de João Vicente Claudino e (sem partido), do presidente nacional do Serviço Social da Indústria (Sesi), João Henrique Sousa (MDB) ; do empresário Fábio Sérvio (PSL).

Os votos válidos, excluem os eleitores indecisos e os que vão votar nulo ou em branco.

No cenário em que o prefeito de Teresina, Firmino Filho (PSDB), é pelo deputado estadual Luciano Nunes (PSDB), Wellington Dias obtém 69,62% dos votos válidos.

Em um terceiro cenário, em que Luciano Nunes e João Henrique Sousa não participam da disputa ao Governo do Estado, Wellington Dias 64,55% dos votos válidos.

No quarto cenário, Wellington Dias tem 69,92% dos votos válidos, sem a presença do prefeito Firmino Filho e de João Henrique Sousa.

Como Wellington Dias, nos diversos cenários de confronto, mantém larga vantagem sobre todos os outros pré-candidatos ao Governo do Estado, quando são analisados os votos válidos, essa liderança na disputa pelo Governo do Estado se consolida ainda mais.

A pesquisa foi realizada entre os dias 26 a 30 de janeiro deste ano, registrada, com o número PI-00411/2018, no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), em 47 municípios do Piauí.

O levantamento eleitoral foi realizados pelos seguintes municípios por microrregião: Baixo Parnaíba Piauiense (Batalha, Joaquim Pires, Esperantina, Piripiri); Litoral Piauiense (Cajueiro da Praia, Luís Correia, Parnaíba); Teresina (Teresina, Lagoa Alegre, Altos); Campo Maior (São João da Serra, Pedro II, Campo Maior, Capitão de Campos); Médio Parnaíba Piauiense (Angical do Piauí, Regeneração, Amarante); Valença do Piauí (Francinópolis, Elesbão Veloso, Valença do Piauí); Alto Parnaíba Piauiense (Uruçuí); Bertolínia (Landri Sales, Colônia do Gurguéia); Floriano (São Francisco do Piauí, Floriano, Guadalupe); Alto Médio Gurgueia (Bom Jesus, Monte Alegre do Piauí); São Raimundo Nonato (Guaribas, Canto do Buriti, São Raimundo Nonato, Pajeú do Piauí); Chapadas do Extremo Sul Piauiense (Corrente,

Parnaguá); Picos (Dom Expedito Lopes, Oeiras, Picos, Geminiano); Pio IX (Alegrete do Piauí, Pio IX); Alto Médio Canindé (Santo Inácio do Piauí, Campinas do Piauí, Simões, Jaicós, São João do Piauí, Paulistana, Paes Landim).

A pesquisa do Instituto Amostragem tem uma amostragem casual, para um nível de confiança de 95% este tamanho de amostra (1.137 eleitores) permite erro de até 2,85% para mais ou para menos, nas estatísticas apresentadas para o total da amostra levantada.

 

 

Wellington Dias lidera as intenções de voto, por larga vantagem, em todos os cenários da disputa ao Governo do Estado

De acordo com o levantamento do Instituto Amostragem, em um primeiro cenário, de intenções de voto estimuladas, Wellington Dias tem 48,64% das intenções de voto contra 11,79¨% do prefeito Firmino Filho (PSDB), acompanhado do deputado estadual Doutor Pessoa (PSD), com 7,92%; do empresário João Vicente Claudino (sem partido), com 5,19% das intenções de voto; de presidente nacional do Serviço Social da Indústria (Sesi), João Henrique Sousa (MDB), com 1,85% e; do empresário Fábio Sérvio (PSL), com 1,23%.

Os eleitores indecisos representam 13,78% e os votos nulos e brancos 9,67%.

Conforme a pesquisa do Instituto Amostragem, nesse cenário, Wellington Dias tem 52,07% das intenções de voto estimuladas; seguido de Doutor Pessoa, com 9,56% das intenções de voto; João Vicente Claudino, com 6,95%; João Henrique Sousa, com 2,37% ; Luciano Nunes com 2,91% e; Fábio Sérvio, em 0,88%.

Os indecisos representam 14,69% e os que vão votar branco e nulo correspondem a 10,47%.

Em um terceiro cenário, Wellington Dias obteve 49,69% das intenções de voto estimuladas contra Firmino Filho, que obteve 11,87%; Doutor Pessoa, com 8,09% das intenções de voto espontâneas; João Vicente Claudino, com 6,24% e; Fábio Sérvio, com 1,23%.

Os eleitores indecisos equivalem a 12,75% e os votos nulos e brancos a 9,85%.

No quarto cenário, Wellington Dias tem 52,33% das intenções de voto, sem a presença de Firmino Filho e de João Henrique Sousa na disputa. Nesse cenário, Doutor Pessoa tem 9,76% das intenções de voto estimuladas; João Vicente Claudino, 8,27% e; Luciano Nunes obteve 3,25%. Os eleitores indecisos representam 13,98% do total e os que querem votar nulo e branco equivalem a 3,25%

Wellington Dias tem 24,8% das intenções de voto espontâneas para o Governo do Estado

O governador Wellington Dias obteve 24,8% das intenções de voto espontâneas para o Governo do Estado, quando os entrevistadores não apresentam ou estimulam nomes de candidatos para a escolha dos eleitores, segundo a pesquisa do Instituto Amostragem.

O levantamento aponta que 63,94% dos eleitores piauienses não sabem e não opinam sobre as intenções de voto espontâneas e 8,81% dos eleitores querem votar nulo ou em branco.

A pesquisa mostra que o deputado João Madison Nogueira, Jôve Oliveira, Sílvio Mendes, Quem Quem , Fábio Sérvio e o ex-governador Wilson Martins têm, cada, 0,09% das intenções de voto espontâneas; João Vicente Claudino, Luciano Nunes e Mão Santa têm, cada um, 0,26%; Robert Rios Magalhães, tem 0,18%; Lula e Doutor Pessoa têm, cada um, 0,35% das intenções de voto espontâneas para o Governo do Estado.

A pesquisa do Instituto Amostragem aponta que os índices dos pré-candidatos ao Governo do Estado são os seguintes:

Doutor Pessoa (9,06%), Fábio Sérvio (12,66%), Firmino Filho (14,25%), João Henrique Sousa (8,43%), João Vicente Claudino (17,33%), Luciano Nunes (5,54%) e Wellington Dias (12,31%).

Os eleitores que não sabem ou não querem opinar sobra a rejeição aos pré-candidatos a governador são 17,15%; os que querem votar nulo e branco são 4.13% e os que não rejeitam nenhum pré-candidato são 16,45%.

Para 62,53% dos piauienses, Wellington Dias merece ser reeleito ao Governo do Estado

A pesquisa do Instituto Amostragem, encomendada pelo Grupo Meio Norte de Comunicação, mostra que 62,53% dos eleitores acham que o governador Wellington Dias merece ser reeleito para o Governo do Estado, enquanto 26,82% acham que ele não merece ser reeleito.

10,64% não sabem opinar sobre a questão.

Para 44,68% dos eleitores piauienses a possibilidade da conquista de um quarto mandato influencia em seu vota para o governador Wellington Dias, já para 17,59% atrapalha; 23,57% são indiferentes em relação ao fato de ser um quarto mandato; 6,33% não vão votar na reeleição do governador e; 7,83% não sabem opinar.

O Instituto Amostragem informou que a pesquisa revela que para 44,68% dos eleitores piauienses as características que mais importam em um candidato ao Governo do Estado é o fato de não estar envolvido em escândalo de corrupção; para 33,66% o que mais importa é a experiência administrativa; 10,64% apontam o fato do candidato ser jovem (novo na política) e 10,86% dos eleitores não quiseram responder ou opinar sobre a questão.

54,35% dos eleitores querem mudança; 23,92% continuidade e 21,72% não responderam ou não quiseram responder sobre a questão.

meionorte

GREVE NOS BANCOS: Serviços em agências bancárias do Piauí ficam suspensos

Quem procurar por serviços nas agências bancárias do Piauí nesta segunda-feira (19) poderá ter alguma dificuldade para conseguir atendimento. Isso porque os bancários do Estado decidiram aderir ao movimento nacional de paralisação das atividades, em protesto contra a Reforma da Previdência. Por volta das 9 horas, a categoria fará um ato, marchando pelas ruas do Centro de Teresina.

Em todo o Brasil, os Sindicatos também farão manifestações semelhantes. As entidades seguem a convocação da Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf), que tem criticado ferrenhamente a campanha do governo Michel Temer pela votação da PEC 287-A, que versa sobre as novas regras de funcionamento da Previdência Social.


Foto: Elias Fontinele/O Dia

Para João Neto, vice-presidente do Sindicatos dos Bancários do Piauí (SEEBF-PI), a essência do projeto da Reforma da Previdência é tornar inviável a aposentadoria no Brasil e transferir para as mãos das instituições financeiras privadas o controle do sistema previdenciário público. “A votação da reforma estava prevista para hoje ou amanhã em Brasília, mas talvez não aconteça por causa da intervenção militar no Rio. Entretanto, nós não confiamos nesse Governo e não duvidamos que o decreto de intervenção seja suspenso só para que o projeto seja votado”, afirma João Neto.

A concentração dos bancários vai acontecer na Rua Álvaro Mendes e na Praça Rio Branco, em frente à agência da Caixa Econômica. Por conta da manifestação, os serviços de pagamento de contas e saques direto no caixa, além do processamento de depósitos, não serão feitos nesta segunda-feira. Somente o autoatendimento nos caixas eletrônicos é que funcionarão normalmente no dia de hoje.

Para evitar transtornos e tumultos, a categoria pede que aqueles que precisarem de atendimento procurem as agências bancários dos bairros mais afastados do Centro, pois a intenção é que as maiores agências em funcionamento na Capital parem completamente durante parte do dia de hoje.

O vice-presidente do SEEBF-PI informou que a decisão sobre greve geral da categoria será tomada em assembleia com data ainda a ser marcada. Pelo menos por enquanto, os bancários farão somente uma paralisação de um dia.

ATENÇÃO: Em Corrente PI, O funcionamento volta ao horário normal de 09 as 14 horas  com mo termino do horário de verão, Fonte de dentro de uma das agencias bancarias de Corrente passou a informação para o portal corrente e noticia na manhã dessa segunda feira(19)         

Fonte o dia 

RIACHO FRIO: Garota morre depois de receber descarga elétrica do celular ligado em tomada

Uma garota morreu eletrocutada no final da tarde desse domingo(18), Segundo informações da Policia local, A menor Luíza Fernanda (17) anos filha do casal agricultores Manoel Rufino Pinheiro da Silva e Dona Dielmar Gama da Silva, Morreu depois de receber uma forte descarga elétrica, A tragedia aconteceu na Cidade de Riacho Frio -PI , Estava usando fone de ouvido e celular ligado na tomada carregando quando de repente teria ocorrido um relâmpago e morreu na hora. 

A imagem pode conter: 1 pessoa

Vitima Luíza Fernandes de 17 anos morreu enquanto usava fone de ouvido e o celular ligado na tomada e recebeu uma forte descarga elétrica. Fica o alerta cuidado não usar celular ligado na tomada.   

A menor teria levado uma descarga elétrica, quando a mãe viu já estava agonizando veio a óbito imediatamente a cidade de Riacho Frio -  PI a 60 km de Corrente esta atônita com a tragédia.

A imagem pode conter: uma ou mais pessoas e telefone

Exatamente esse aparelho que a jovem usava quando recebeu a descarga elétrica, O alerta que fica é que jamais se deva usar o celular quando  estiver ligado na tomada carregando.    

Aguarde mais detalhes                   

Da Reação 89 99906 8076  

Polarização e crise influenciam postura do eleitor para eleições em 2018

Após quatro anos de polarização e crise, os brasileiros voltarão às urnas e o cenário eleitoral permanece embaralhado. É certo que fazer qualquer exercício de previsão no Brasil tem sido um desafio considerável, porém os mais de 30 anos de redemocratização do país deixam a cargo de uma peça principal o que esperar do Brasil nos próximos quatro anos: o eleitor. É a autonomia da vontade popular que escolherá, mais uma vez, os representantes da população em níveis federal e estadual. E a grande pergunta é: como este eleitor irá às urnas? Nesta reportagem, ODIA escutou especialistas de diferentes áreas e os protagonistas deste pleito para debater que cenário pode se esperar das eleições de 2018.

Para Bruno Mello Souza, doutor e mestre em Ciência Política, o ambiente que envolve o eleitorado brasileiro para o pleito de 2018 é de descrença em relação aos políticos e às instituições. Isto porque, como explica o pesquisador, o eleitorado brasileiro foi se irmando, ao longo do tempo, à margem da real participação política no país.


Foto: Assis Fernandes/O Dia

“É um eleitorado que, em grande parte, costuma votar em pessoas, deixando partidos em segundo plano, e inclusive a ter certo orgulho disso. Em comparação com 2014, a eleição de 2018 tende a, novamente, gravitar em torno do petismo/antipetismo. O que muda é que se antes o PSDB aparecia como uma força vista como antagônica ao PT, hoje ele é visto como mais do mesmo”, destaca Bruno. Para o pesquisador, a tendência da negação aos partidos e políticos tradicionais é bastante forte. “É difícil prever antes de as peças se posicionarem devidamente no tabuleiro e sem o desenvolvimento da campanha, que segue uma dinâmica muito própria. Porém, mais do que nunca, está posta a oportunidade de êxito de uma candidatura "outsider", ou que pelo menos tenha capacidade para se vender como tal, e captar o espírito de insatisfação vindo do "clima de opinião" existente no país”, afirma.

Outsider é a expressão em inglês usada para definir aquele perfil ‘fora’ da tradicional figura do político. O Dicionário Houaiss da Língua Portuguesa define o outsider como a “pessoa que não pertence a determinado grupo; estranho, intruso, forasteiro”. Encaixam-se nesse parâmetro, por exemplo, nomes que já foram ventilados para a disputa eleitoral de 2018 como João Doria, Henrique Meirelles, Gilmar Mendes e Joaquim Barbosa, que se colocam em um certo padrão do ‘antipolítico tradicional’ e querem mostrar-se diferentes de tudo o que está aí.

Mas na disputa eleitoral que se avizinha, o cenário é plural. Existe o líder nas pesquisas, o ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva - em uma situação legal precária, e um presidente impopular, que terá dificuldades para influenciar diretamente na escolha do seu sucessor. Em crescente ascensão, encontra-se Bolsonaro a se agigantar por, entre muitos aspectos, insistir em um discurso moralista e com base em pontos chaves no país: a segurança.

“Numa eleição pautada por tantas incertezas e interrogações, a certeza que podemos ter é de que a polarização deve dar a tônica da decisão do eleitorado. Porém, por mais paradoxal que pareça à primeira vista, isso não significa que um discurso moderado não possa colher seus frutos nesse cenário. Há várias formas pelas quais essa polarização pode se materializar na disputa política real. Mesmo que um discurso desse tipo, por si só, dificilmente atraia uma grande parcela do eleitorado, poderia jogar todas as fichas na possibilidade de surgir como "mal menor", como negação de uma força que não se queira ver no poder, como catalisador dos temores de lado a lado. Em suma, alguém que conseguisse aparecer como "menos pior que o PT" para quem hoje prefere Bolsonaro e "menos pior que Bolsonaro" para quem hoje votaria no PT. Esse é o proveito que se poderia tirar”, analisa.


Foto: Assis Fernandes/O Dia

Democracia como solução

Apesar da conturbação que continua a ser o atual cenário político do país, o pesquisador Bruno Mello avalia que a real efetivação da democracia, com diálogo e participação popular, pode dar impulso para mudanças e reais melhorias.

“Na posição de analistas, nos deparamos também com as aflições e desencantamentos de um cená- rio político desolador. Mas devemos canalizar as mudanças que queremos por dentro da democracia. É pela educação, pela informação, pelo exercício da cidadania, que cada um de nós deve promover transformações no atual estado de coisas. Um primeiro passo para isso, provavelmente, seja desarmar os ânimos”, comenta.

Bruno finaliza reafirmando que ouvir o contraditório, dialogar e sair dos ataques vazios para chegar a consensos - mínimos que sejam - poderão levar toda sociedade a uma situação mais propositiva. “A divisão dos de baixo só contribui para que os de cima permaneçam em suas zonas de conforto, trocando favores e utilizando o patrimônio público para fins privatistas. Essa lógica perversa só pode ser revertida pela atuação democrática e cidadã da população”, finaliza.

Fake News podem influenciar rumos na política

As chamadas Fake News, notícias falsas, tornaram-se uma epidemia que percorre o mundo inteiro. Com o próximo pleito eleitoral, um perfeito campo de batalha se forma para que os embates políticos se tornem cada vez mais acalorados – e distorcidos. Desde o processo que acabou no impeachment da presidenta Dilma Rousseff, por exemplo, os jogos de informações inverossímeis se propagaram na internet fazendo a já indicada polarização se fortalecer.

 O jornalista e webdesigner, Marcos Sávio, explica que a prática não é tão moderna quanto se acredita, mas tem se ampliado e preocupa em um contexto de eleições. “A Fake News sempre existiu, mas com o advento da internet, ela se potencializou. Mas efetivamente não é uma novidade. Joseph Goebbels, ministro das propagandas nazistas, era um especialista neste assunto. Ele manipulou a sociedade com vídeos falaciosos, de conspiração contra a Alemanha para ganhar a simpatia do povo. É dele a famosa frase “Uma verdade dita mil vezes torna-se verdade” - o termo é a essência do Fake News”, considera.

Principalmente nas redes sociais, como Facebook, Instagram, Twitter e dispositivos de mensagens instantâneas como o Whatsapp, as notícias falsas circulam em uma proporção assustadoramente veloz. No Twitter, tam- b é m são usados robôs, também conhecidos como bots, que são programas capazes de mover centenas de perfis nas redes sociais que aparentam ser de pessoas.

“Para a maioria das pessoas, é mais fácil compartilhar uma notícia falsa quando a notícia vai ao encontro do que ela acredita. Por exemplo, se uma pessoa de “Direita” recebe uma informação que denigre a imagem da “Esquerda”, dificilmente ela fará uma análise do conteúdo com responsabilidade e certamente passará para a frente, sem avaliar se é verdadeira ou não”, alerta Marcos.

No Brasil, ainda não há punição específica e nem lei para desestimular esta propagação de Fake News.

Fonte: O Dia 

CORRENTE: Hospital Regional realizou 252 atendimentos durante o carnaval 2018

Levantamento parcial da Secretaria de Estado da Saúde (Sesapi) aponta que 13 hospitais da rede estadual atenderam 8.890 pacientes na urgência e emergência, durante o Carnaval, no período compreendido entre sexta-feira (9) a terça-feira (13).

Resultado de imagem para Rede hospitalar do Estado atendeu mais de 8 mil pacientes no Carnavalarnaval+corrente+piaui+2018&client=opera&hs=xQj&source=lnms&tbm=isch&sa=X&ved=0ahUKEwiEj-_n9azZAhWJfpAKHZgfBdUQ_AUIDCgD&biw=974&bih=635#imgrc=Pxg6Sa0V4ftIvM: Os dados mostram ainda que menos de 1,5% de pacientes foram transferidos, sendo que a maioria foi para o Hospital Regional Tibério Nunes, em Floriano, que recebeu mais de 40% dos pacientes, e o Hospital Estadual Dirceu Arcoverde (Heda), em Parnaíba, que não realizou nenhuma transferência para Teresina.

Os dados mostram o quanto os hospitais do interior são resolutivos, uma vez que praticamente a totalidade da assistência em média e alta complexidade ficou concentrada na rede estadual, em dois pontos estratégicos: Parnaíba e Floriano, que receberam mais de 60% dos 112 pacientes transferidos e mais de 30%  das entradas registradas durante o período na rede estadual. Ao somar as entradas no Hospital Regional Justino Luz, em Picos, esse percentual sobe para mais de 46% dos atendimentos.

O Heda, em Parnaíba, além de não ter transferido nenhum paciente para Teresina, recebeu 25 transferências, vindos principalmente de Esperantina e Luzilândia. O hospital atendeu 1.195 pacientes, realizando também procedimentos cirúrgicos, como de neurocirurgia e ortopedia. Também foi realizada uma cirurgia de urgência de buco-maxilo, procedimento implatado em janeiro, como eletivo, e por já ser realizado no hospital, evitou a transferência de paciente para a capital. 

O Hospital de Floriano destacou-se pela resolutividade dos atendimentos, uma vez que, das 112 transferências em toda rede estadual, o Tibério Nunes recebeu 46 pacientes, vindos principalmente dos hospitais de São Raimundo Nonato, Uruçuí, Corrente, São João do Piauí, Oeiras, Bom Jesus, Picos e Amarante, consolidando o hospital como referência na assistência médico-hospitalar de toda região sul. Ali também foram atendidos cerca de 1.800 pacientes, com 83 cirurgias realizadas, sendo que, somente em neurocirurgia, foram sete procedimentos e 28 em ortopedia.

Os números dos atendimentos e a resolutividade na assistência especialmente durante o Carnaval é fruto do plano de contingência elaborado pela Secretaria de Estado da Saúde para o período, por conta do aumento significativo nas entradas das urgências e emergências. Todos os Hospitais Regionais tiveram reforços nas equipes e em insumos, que objetivavam dar uma maior resolutividade aos atendimentos de urgência e emergência na própria região ou uma transferência com menos riscos para outros hospitais de referência.

Para o litoral, houve mobilização maior por conta do intenso fluxo de foliões que foram para a região. Ambulância e equipe formada por médico, enfermeiro e técnico de Enfermagem deram suporte nas urgências pré-hospitalares, no Centro Integrado. Somente aqueles casos mais graves foram encaminhados para o Heda, o que desafogou sobremaneira as entradas no pronto-atendimento.

Os pacientes atendidos passaram por, ao menos, dois tipos de procedimentos, destacando os exames laboratoriais e de imagem, que totalizaram cerca de 7.000 exames. Os hospitais também realizaram cirurgias, entre eletivas e de urgência, com 205 procedimentos realizados, principalmente as de ortopedia e neurocirurgia. 

Número de atendimentos:

Hospital Regional de Campo Maior: 502 pessoas atendidas 
Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e Hospital Regional Deolindo Couto – Oeiras: 631 pessoas atendidas 
Hospital Regional Julio Hartman – 629 pessoas atendidas 
Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e Hospital Regional Senador Cândido Ferraz – São Raimundo Nonato: 630 pessoas atendidas 
Hospital Regional João Pacheco Cavalcante – Corrente: 252 pessoas atendidas 
Hospital Regional Teresinha Nunes de Barros – São João do Piauí: 421 pessoas atendidas 
Hospital Regional Manoel de Sousa Barros – 542 pessoas atendidas 
Hospital Regional Tibério Nunes – 1781 pessoas atendidas 
Hospital Regional Francisco Ayres Cavalcante – Amarante: 308 pessoas atendidas 
Hospital Regional Justino Luz – Picos: 1.160 pessoas atendidas 
Hospital Estadual Dirceu Arcoverde – Parnaíba: 1.195 pessoas atendidas 
Hospital Regional Gerson Castelo Branco – Luzilândia: 457 pessoas atendidas 
Hospital Regional Senador Dirceu Arcoverde – Uruçuí: 382 pessoas atendidas

Fonte: Ccom

Animação, segurança e beleza marcam o carnaval da cidade de Corrente

A Prefeitura de Corrente, por meio do Prefeito Murilo Mascarenhas e da sua comissão de eventos, realizou entre os dias 09 e 13 de fevereiro mais uma edição do carnaval da alegria, com o slogan, O meu Carnaval é aqui.

Foram cinco dias de muita folia e animação que marcaram o carnaval 2018 da cidade. Ao longo de todo o evento o Parque Alberto Tavares esteve repleto de foliões que se jogaram ao som de Zé Agostinho, banda BEAT Paredão, banda Osensa, Hit no Komando, banda Donna Axé, banda Ivo Braw, Frank Rodrigues, banda Dudu Almeida, banda o Sheik, Tetezinho e Cia, banda Liz Sandra, banda Marlon Góes, Chicabraw banda Katê, banda Bahamas.

Destaque também para as matinês que contaram com concurso de fantasia infantil, machinhas, brincadeiras, pintura de rosto e muita animação.

A equipe organizadora além de oferecer animação e lazer para os foliões, se preocupou também com a segurança do evento. Para isso foram contratados seguranças particulares, somados à participação de um grande efetivo da polícia militar, além da fiscalização do conselho tutelar que esteve presente nos cinco dias de festa.

A folia ainda contou com o trabalho preventivo da secretaria de saúde, que levou para o parque, equipe medica, ambulância, testes rápidos, além da extensa distribuição de preservativos.

Para o prefeito Murilo Mascarenhas a volta do carnaval na cidade é um resgate cultural. “Foram 4 anos sem festa e agora podemos proporcionar lazer as famílias correntinas, além de oportunizar a venda para nossos comerciantes” frisou o prefeito.

Animação, segurança e beleza marcam o carnaval da cidade de Corrente

ascom 

PRF registra 27 acidentes e pede prudência na volta do Feriadão de Carnaval

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) pede prudência e atenção redobrada aos motoristas que vão pegar a estrada na volta do Feriadão de Carnaval. Até o momento, desde o início da operação no Piauí, na sexta (9), a PRF já registrou 27 acidentes, oito feridos graves e sete mortes.

  A Operação Carnaval segue até a quarta-feira (14). No ano passado, a PRF registrou 25 acidentes, 23 pessoas feridas e 10 mortes. 

O último acidente com morte foi registrado na manhã desta terça-feira (13) entre um carro e uma motocicleta, na BR 343, Km 18, no município de Parnaíba. A colisão foi do tipo frontal. O motociclista, identificado como F.J.C, morreu no local. As informações iniciais são de é de que o motociclista realizou uma ultrapassagem em local proibido pela sinalização. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência chegou a ir até o local.

No sábado (12), um carro com cinco ocupantes capotou na BR 343, Km 71,3. Todos sobreviveram e tiveram apenas ferimentos leves. Dentre os ocupantes havia um bebê, que era transportado corretamente na cadeirinha. 

“Esses acidentes são causados, principalmente, pela imprudência ou ingestão de bebida alcoólica por parte dos motoristas. Nós sempre reforçamos para que os condutores tenham a consciência de que eles são os responsáveis pelo trânsito. A violência no trânsito não é gerada por situações adversas, ela é gerada por situações que sai diretamente do condutor. Então, nesse retorno de feriadão, pedimos muita prudência e cuidado, são muitos os veículos nas estradas. Pedimos que os condutores não fiquem com o pensamento de chegar logo em casa, tirem essa pressa da cabeça e relaxem para ter uma viagem tranquila. Qualquer ocorrência e irregularidade só entrar em contato com a PRF pelo 191”, comentou o inspetor Jean Paiva. 

A BR 343 é a que mais recebe atenção, neste período do ano, devido o grande fluxo de veículos, pois é a de acesso ao litoral piauiense. Outras que receberam maior fiscalização foram as BR 316 e 135, ambas no Sul do Estado.  A BR 135, apesar de não ser um “destino carnavalesco”, é preocupante devido à estrutura. 

Dicas 

  • Planejamento da viagem – O motorista deve se informar sobre as distâncias que vai percorrer, condições do tempo, pontos de parada, existência de postos de combustíveis e de restaurantes à beira da estrada. Não esquecer documentação pessoal e do veículo.
     
  • Revisão preventiva – Providenciar a checagem do automóvel mesmo para pequenas viagens. Faróis acesos para ver e ser visto; pneus calibrados e em bom estado; motor revisado, com óleo e nível da água do radiador em dia. Não esquecer de verificar a presença e estado dos equipamentos de porte obrigatório, principalmente pneu estepe, macaco, triângulo e chave de roda, além dos limpadores de parabrisa e luzes do veículo;
     
  • Pausas para descanso – O condutor deve programar paradas a cada 3 horas. Quem se expõe a muitas horas dirigindo fica sujeito ao fenômeno da "hipnose rodoviária", na qual se mantém de olhos abertos, mas sem percepção da realidade à sua volta. Ela vem acompanhada de sonolência, perda de reflexos e de força motora;
     
  • Previsão do tempo – Procurar se informar sobre as condições do tempo nos lugares por onde vai passar. O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) disponibiliza gratuitamente informações sobre o clima no endereço www.inmet.gov.br;
     
  • Atenção redobrada – Observar as placas que indicam os limites de velocidade e as condições de ultrapassagem. Elas não foram colocadas naquele ponto da estrada sem motivo. Nos trechos em obras, o motorista deve reduzir a velocidade e obedecer a sinalização local.
     
  • Descanso – Durma bem antes de qualquer viagem de automóvel. O sono e o cansaço são grandes inimigos de uma viagem segura.
     
  • Cinto de segurança –  Use sempre o cinto de segurança, este equipamento é obrigatório para todos os ocupantes do veículo.
     
  • Em caso de emergência, ligue 191.

Superintendência de trânsito de Corrente intensifica fiscalização neste carnaval

A Superintendência de Transito de Corrente está realizando a Operação Carnaval, a atividade teve início nesta sexta-feira (09), e contou com trabalho do Policiamento do Trânsito Estadual/Municipal e da Guarnição de serviço.

 Superintendência de trânsito de Corrente intensifica fiscalização este carnaval  A blitz aconteceu na Avenida Manoel Lourenço Cavalcante, e resultou na remoção de 12 motocicletas. Dentre as infrações cometidas foram registradas: Condutores sem CNH, condutores e passageiros sem utilização dos Capacetes, não apresentação regularizada CRLV, utilizações de Kadron, desacordo características das motocicletas, dentre outras.

ascom 

SEGUNDA NOITE DE CARNAVAL: Corrente tem carnaval aberto oficialmente pelo prefeito Murilo

A segunda noite de carnaval teve abertura oficial com discurso do Prefeito Murilo Mascarenhas enfatizando  que esse é o segundo carnaval de sua gestão e lembrando  que durante sua administração será assim com incentivo a cultura como o  carnaval lembrou o o gestor.

A festa tem o apoio do deputado João Madson que patrocinou com a contratação de bandas para o evento.

Confira imagens do segundo dia  de carnaval        

A imagem pode conter: 1 pessoa, em pé e show   A imagem pode conter: 2 pessoas, pessoas sorrindo, pessoas em péA imagem pode conter: 2 pessoasA imagem pode conter: 3 pessoas, pessoas sorrindo, pessoas em pé

A imagem pode conter: uma ou mais pessoas, pessoas dançando e sapatosA imagem pode conter: 2 pessoas, pessoas no palco e pessoas tocando instrumentos musicaisA imagem pode conter: 1 pessoa, dançando e no palcoA imagem pode conter: 4 pessoas, pessoas sorrindo, sapatosA imagem pode conter: 10 pessoas, incluindo Poliana Nunes, pessoas sorrindo, pessoas em péA imagem pode conter: 10 pessoas, pessoas sorrindo, pessoas em péA imagem pode conter: 5 pessoas, incluindo José Carlos S. Santos, pessoas sorrindo, pessoas em pé e noiteA imagem pode conter: 4 pessoas, pessoas sorrindo, pessoas em péA imagem pode conter: 11 pessoas, pessoas sorrindo, pessoas em péA imagem pode conter: 2 pessoas, pessoas sorrindo, pessoas no palco e pessoas tocando instrumentos musicaisA imagem pode conter: 1 pessoa, sorrindo, em pé e dançandoA imagem pode conter: 2 pessoas, pessoas dançando e sapatosA imagem pode conter: 1 pessoa, sorrindo, em péA imagem pode conter: 1 pessoa, no palco, tocando um instrumento musical e sentadoA imagem pode conter: 1 pessoaA imagem pode conter: 2 pessoas, pessoas no palcoA imagem pode conter: 1 pessoaA imagem pode conter: 1 pessoa, em pé e multidãoA imagem pode conter: 2 pessoas, pessoas sorrindo, pessoas em péA imagem pode conter: uma ou mais pessoas, multidão e noiteA imagem pode conter: 5 pessoas, pessoas sorrindo, pessoas em péA imagem pode conter: 2 pessoas, pessoas sorrindo, noiteA imagem pode conter: 1 pessoa, no palco, dançando e sapatosA imagem pode conter: 1 pessoa, no palco, tocando um instrumento musical e show

Caminhão tomba na BR-135 e rodovia tem restrições de tráfego no carnaval

A partir das seis da tarde desta sexta-feira (9) a BR-135 vai ter restrições de tráfego para veículos pesados. A rodovia registrou durante a madrugada o primeiro acidente nas rodovias estaduais no Carnaval.

BR-135 Sul do Piauí (Foto: Reprodução/TV Clube)

Um caminhão tombou na rodovia federal e o motorista saiu ileso. Será a primeira restrição durante a Operação Carnaval 2018 nas rodovias federais que passam pelo Piauí.

De acordo com o inspetor Barros Filho, da Polícia Rodoviária Federal (PRF) o acidente aconteceu por volta de 3h30 da manhã desta sexta-feira. “Foi um tombamento de carga sem consequências graves. A rodovia ficou interditada até 10h da manhã e foi liberada” disse a respeito do tombamento no KM 261, nas proximidades do município de Alvorada do Gurguéia, no Sul do Piauí.

A respeito das retenções para o fluxo de carga, o inspetor explicou que há reforço no policiamento nos principais trechos de rodovias federais. “Estamos com fiscalização na BR-135 e vai ter a restrições de tráfego todos os dias. Hoje a noite vai ter de 6h às 10h da noite e amanhã de manhã também”, explicou Barros Filho. A Operação Carnaval seguirá até a quarta-feira (14).

Fonte: g1

Prefeitura realiza primeiro concurso de fantasia infantil em Corrente

Em Corrente as tardes de Domingo(11) e terça-feira(13) de carnaval serão repletas de alegria e diversão, a Prefeitura Municipal por meio da Superintendência de Comunicação e da Secretaria de Trabalho e Cidadania, realizam dois bailinhos infantis, com concurso de fantasia, distribuição de máscaras e muito confete e serpentina.

Será eleita a fantasia mais original, os candidatos vão ter que mostrar carisma e simpatia. As inscrições serão feitas no dia do evento e os interessados em participar deverão ter até 12 anos e estarem acompanhados por um adulto. Para sustentar a folia dos pequenos, no palco vão se revezar ás atrações: Tetezinho e Cia, Zé Augustinho e Chica Brau.     

ASCOM 

CORRENTE: Recebe uma grande caravana de participantes do 10º Rally Missionário

Está, em Corrente o 10º Rally Missionário, evento organizado pela igreja Assembléia de Deus de Madureira com a participação de um grupo de empresários do estado de Goiás, Em Corrente desde de ontem(08) que os participantes lotam os principais hotéis da cidade 

Foto: Ivan Gonçalves, Rally Missionário edição 7  Passando por Corrente em  2015  

O Rally Missionário é um trabalho que teve inicio no ano 2009, quando empresários com quatro caminhotes começaram a percorrer os estado de Goiás, Bahia e Piauí, realizando missões.  Além da evangelização, o evento se destaca pelo trabalho social, onde é distribuída a população carente bicicletas, bíblias, brinquedos, cestas básicas, roupas e motocicletas.

 

Aguarde mais detalhes e informações   

PIAUÍ:Deputados da oposição fazem protesto e não comparecem a abertura do ano Legislativo

Deputados da oposição resolveram confrontar o governo do Estado. Na manhã desta segunda-feira (5), parlamentares anti-PT não compareceram a abertura do ano legislativo estadual em protesto contra o governador Wellington Dias (PT). 

Dos 30 deputados, 19 parlamentares estão em plenário. Os cinco da oposição: Gustavo Neiva, Rubem Martins, Marden Menezes, Luciano Nunes (que está em viagem para reunião com o presidente Michel Temer), Dr. Pessoa e Robert Rios se ausentaram da solenidade.

O governador já chegou para ler sua mensagem anual no plenário.  

O terceiro vice-presidente da Assembleia Legislativa, Evaldo Gomes (PTC), comandou o evento fazendo a abertura do trabalhos. Ele preside a sessão porque o presidente, deputado Themístocles Filho (MDB), está em viagem pra um evento com o presidente Michel Temer (MDB), em Brasília. 

Evaldo Gomes lamentou a ausência dos deputados da oposição, mas disse que respeita a decisão de cada um.

“Respeito, porque todos têm o direito de fazer o que quiserem. O importante é manter o diálogo para continue estabelecendo a democracia”, afirmou. 
O deputado Evaldo falou que espera que este ano, mesmo sendo de disputa eleitoral, a Assembleia possa contribuir ainda mais com o desenvolvimento do Estado e auxiliar quanto às demandas do governo. 

“É um ano atípico, é preciso que se compreenda que cada deputado tenha a sua responsabilidade sabendo que muitos vão buscar a reeleição e a gente vai, lógico, conversar para ter entendimentos. Esperando que seja um ano para o Estado, após ter passado por uma crise, mas tem conseguido o manter o equilíbrio econômico. O ano passado mesmo com as divergências e discussões mais achoutadas, conseguimos manter esse equilíbrio e colaborar com o governo do Estado”.

cidade verde 

A SEMANA: Prefeitura de Corrente divulgou as atrações do carnaval 2018

A Prefeitura Municipal de Corrente, por meio da comissão de eventos divulgou nesta terça-feira (30) a programação do carnaval 2018 da cidade. A festa acontecerá no parque de Exposição Alberto Tavares de 9 a 13 de fevereiro.

Prefeitura de Corrente lança programação do carnaval 2018 Para garantir uma festa com muita alegria e sem violência a Prefeitura Municipal está montando uma estrutura completa. Com tendas, sanitários, presença da equipe de saúde com orientações de como divertir-se com responsabilidade e a Polícia Militar de Corrente trabalhará na segurança e no combate a qualquer tipo de violência. 

ascom 

BRASIL: Fogos de artifício com barulho poderão ser proibidos

Rojões, bombas e morteiros são fogos de artifício usados em muitas comemorações. Mas um projeto de iniciativa popular poderá vir a proibir o uso desse tipo de dispositivo. A proposta já conta com o apoio de mais de 50 mil internautas e está aberta a receber novas adesões até abril. A justificativa é que, além de incomodar os seres humanos, o barulho dos explosivos é prejudicial à saúde dos animais.

Fogos de artifício com barulho poderão ser proibidosHá ainda em análise no Senado dois projetos de lei sobre proteção dos animais que estão sendo relatados pelo senador Flexa Ribeiro (PSDB-PA). O PLS 650/2015 cria o Sistema Nacional de Proteção e Defesa do Bem-Estar dos Animais (Sinapra). Já o PLS 677/2015 propõe a adoção do Estatuto dos Animais. Flexa Ribeiro disse que o Senado está aberto a novas sugestões. Para apoiar uma ideia legislativa basta se cadastrar no portal e-cidadania em: www.senado.leg.br/ecidadania. A reportagem é de Marciana Alves, da Rádio Senado.

RADIO SENADO

TSE dá cinco dias para Huck, Faustão e Globo se manifestarem em ação movida pelo PT

O ministro Napoleão Nunes Maia, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), deu prazo de cinco dias para que a Rede Globo e os apresentadores Luciano Huck e Fausto Silva se manifestem sobre a ação movida contra eles pelo PT.

Luciano Huck terá que se explicar ao TSE depois de participação em programa dominical da GloboO partido considera que houve campanha eleitoral antecipada durante a participação de Huck no programa dominical da emissora, que foi ao ar em 7 de janeiro.

Durante o Domingão do Faustão, Huck, que é citado como candidato a presidente, falou de política e combate à corrupção.

"Entendo que, para melhor e mais ponderada apreciação da situação processual e material que ora se manifesta, cumpre determinar, o que ora faço, sejam as partes Representadas regularmente intimadas para manifestarem-se no prazo de 5 (cinco) dias, querendo-o, conforme entenderem de seu direito ou da defesa de seus interesses", diz o despacho do ministro do TSE. Apesar de ter declarado que não será candidato, o nome de Huck continua aparecendo nas pesquisas de intenções de voto. 

No levantamento do Datafolha divulgado nesta quarta-feira, 31, o apresentador empata com o governador Geraldo Alckmin, do PSDB, em um cenário sem a candidatura do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

 

MP lista dicas para proteção a crianças e adolescentes no carnaval

O Centro de Apoio Operacional de Defesa da Infância e Juventude – CAODIJ, órgão auxiliar do Ministério Público do Estado do Piauí (MPPI), transmite orientações à população para assegurar a proteção aos direitos de crianças e adolescentes durante o período carnavalesco. A iniciativa visa assegurar a integridade do público infantojuvenil, evitando eventuais violações de direitos.

No total, são nove orientações baseadas no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA). O CAODIJ esclarece dúvidas comuns acerca da participação de crianças e adolescentes em bailes carnavalescos, destaca a proibição de venda de bebidas alcoólicas e outras substâncias a menores de idade, discrimina o âmbito de atuação do Conselho Tutelar e frisa a importância da prevenção a atos de exploração sexual.

Ministério Público do Estado do Piauí
Ministério Público do Estado do Piauí

 

  1. Presença de crianças e adolescentes em bailes carnavalesco, marcha, corso, etc: De acordo com o artigo 149 do Estatuto da Criança e do Adolescente, a presença de crianças ou adolescentes quando desacompanhados de seus pais ou responsáveis pode ser regulamentada pela autoridade judiciária, como a imposição de limite de idade para participação em determinados eventos. Tem como objetivo a proteção do público infantojuvenil. Essa restrição dirige-se apenas para crianças ou adolescentes desacompanhados dos pais ou responsáveis. Caso esses se encontrem presentes, compete a eles a decisão da participação ou não de seu filho no evento.

    Compete aos organizadores dos eventos fiscalizar a presença de crianças ou adolescentes desacompanhados, nos limites da portaria.

  2. Os responsáveis por estabelecimentos onde serão realizados bailes e outros eventos de carnaval devem coibir a venda e o fornecimento de bebidas alcoólicas ou outras substâncias que causem dependência física ou psíquica a crianças ou adolescentes sob pena decometimento do crime previsto no art. 243 do Estatuto da Criança ou Adolescentecom pena de 2 a 4 anos de prisão e multa.

    Nesse caso deve ser acionada a Policia Militar ( 190) para adoção das providências legais, por meio da prisão em flagrante e encaminhamento à Delegacia de Policia.

  3. Deve-se evitar a participação de crianças ou adolescentes em desfiles e bailes de ruas. Se isso ocorrer, no entanto, sugere-se colocar nas crianças um pulseira de identificação, com nome e contato dos responsáveis. Com adolescentes sugere-se marcar local de encontroa para chegada e saída. Evite estar próximos de grupos eufóricos e de carros de som ou alegóricos afim de se evitar acidentes.

  4. Não constitui dever do Conselho Tutelar regular ou fiscalizar a entrada ou permanência de crianças ou adolescentes em bailes e eventos carnavalescos. É obrigação do responsável pelo evento. No entanto, o Conselho Tutelar pode a qualquer momento adentrar os espaços onde estão sendo realizados esses eventos afim de verificar se há crianças ou adolescentes em desrespeitos às normas legais. Os responsáveis que impedirem a atuação do Conselho Tutelar cometem o crime previsto no artigo 236 do Estatuto da Criança ou do Adolescente.

  5. A participação de crianças ou adolescentes em concursos de beleza, como “rainha do carnaval”, desfiles de fantasia ou outros espetáculos públicos como integrantes só é possível mediante a solicitação de alvará judicial, por parte da organização do evento, ao Juízo da Infância ou Adolescentes, nos termos do art. 149, II do ECA.

  6. No caso de desaparecimento de criança ou adolescente, o fato deve ser comunicado imediatamente à Delegacia de Policia para lavratura de Boletim de Ocorrência, sem a necessidade de se esperar 24 horas para o registro conforme previsto no §2º do artigo 208 do ECA. A autoridade policial deverá iniciar imediatamente as buscas, acionando os demais órgãos envolvidos. Importante também acionar o Conselho Tutelar.

  7. Não compete ao Conselho Tutelar a averiguação de eventual prática de ato infracional por adolescente, devendo ser acionada a Policia Militar e a Policia Civil para realização do procedimento de apuração do ato infracional (art. 171 e seguintes do ECA).

  8. É imprescindível uma atuação vigilante para se prevenir a violência e exploração sexual de crianças e adolescentes. Trata-se de crime hediondo, punido o violador e quem favorece a violência ou exploração sexual contra crianças e adolescentes. Os casos suspeitos ou confirmados devem ser imediatamente comunicados à Policia Civil, Polícia Militar, Conselho Tutelar e Ministério Público ou ainda pelo Disque 100.

  9. Ressalta-se que a Constituição Federal proíbe a realização de qualquer trabalho para crianças e adolescentes menores de 16 anos, sendo permitindo apenas na forma de adolescente aprendiz, a partir dos 14 anos de idade. Dessa forma, não se pode permitir que crianças ou adolescentes trabalhem nesse período, particularmente na venda de bebidas, como flanelinhas, comércio ambulante, etc. Nesse caso deve ser acionado o Conselho Tutelar e o Serviço de Proteção Social do Município imediatamente para os encaminhamentos devidos.

Fonte: Ministério Público do Piauí

Mortes nas rodovias do Piauí aumentam 40% em um ano

O número de acidentes e mortes nas BRs que cortam o Piauí subiu em 2017, é o que revela a Polícia Rodoviária Federal (PRF). Enquanto em 2016 foram registrados 150 óbitos nas rodovias do Estado; no ano seguinte, foram contabilizadas 211 mortes – o que representa um aumento de 40%. Ainda em 2017, foram registrados 1.537 acidentes nas BRs do Piauí, contra 1.516 que ocorreram no ano anterior.

Resultado de imagem para Mortes nas rodovias do Piauí aumentam 40% em um anoOs dados locais não seguem a tendência nacional, que registrou queda no número de acidentes nas rodovias federais. Segundo as estatísticas, o número de acidentes graves no Brasil é 7,5% menor que o apurado em 2016; no entanto, as mortes caíram apenas 2,7%. Outras 83.978 pessoas ficaram feridas em todo o país, contra 87.006 em 2016.

De acordo com a PRF, as maiores causas de morte no trânsito são: falta de atenção do motorista, velocidade incompatível, falta de atenção do pedestre, ingestão de álcool e ultrapassagem.

Para o motociclista Igor Macêdo, os acidentes ocorrem devido à imprudência dos condutores no trânsito e à inabilidade de outros. “É complicado por conta de motoristas mais ousados que acabam infringindo as leis de trânsito. Além disso, há o fato de que quem conduz carros e quem pilota moto pode se ferir gravemente”, comenta.

Igor pilota há quatro anos e diz que há uma falta de respeito e educação no trânsito, e que não acredita em uma diminuição das infrações. “Uma vez que não há uma conscientização dos condutores, fica inviável para o poder público fiscalizar todas as infrações”, acredita.

Já a estudante Janaina Alcântara faz viagens do Maranhão até a casa de sua mãe, em Teresina. Ela defende que uma das principais causas de acidentes no trânsito é o excesso de velocidade. “As pessoas fazem ultrapassagens em locais perigosos, com excesso de velocidade e geralmente acontecem acidentes com animais na pista ou com buracos”, declara.

o dia 

Com crescimento de 14%, FPM chega aos cofres das prefeituras nesta sexta (19)

Nesta sexta-feira (19), as prefeituras brasileiras recebem o segundo repasse do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) deste mês. O valor bruto do repasse as 224 cidades do Piauí é de R$ 39,3 milhões.

Resultado de imagem para fpm

O valor para cada prefeitura varia de acordo com a população das cidades. Para municípios piauienses com até 10,3 mil habitantes, o repasse é de R$ 105 mil. O maior montante é para Teresina: R$ 7,2 milhões.

Ainda em relação aos valores, para Parnaíba o repasse é de R$ 1,3 milhão; Picos é de R$ 456 mil; Piripiri é de R$ 421 mil; Floriano é de R$ 386 mil; Campo Maior e Barras é de R$ 351 mil; para União, Altos, Esperantina, José de Freitas e Pedro II o repasse é de R$ 315 mil; Oeiras, São Raimundo Nonato e Miguel Alves recebem R$ 280 mil.

Em comparação ao repasse do mesmo período do ano passado, a parcela do FPM cresceu 14%, sem considerar os efeitos da inflação. Já com a soma dos dois repasses deste ano, a elevação é de 11,48%. De acordo com dados da Secretaria do Tesouro Nacional, enquanto em 2017, as prefeituras brasileiras receberam nos dois repasses R$ 4,26 bilhões, o valor chegou a R$ 4,75 bilhões neste ano. Se a inflação for levada em conta, esses percentuais caem para 8,7%, respectivamente.

A Confederação Nacional dos Municípios, em nota, comemorou o aumento do repasse por ele ser 14% maior que a estimativa prevista pelo governo federal. Entretanto, a nota recomenda gestores municipais a terem cautela com as finanças, principalmente no começo do ano, tendo em vista que os cenários político e econômico brasileiros ainda é instável.

o dia 

Detran divulga calendário de provas práticas no interior do Estado

O Detran divulgou, nesta segunda-feira (15), o calendário dos mutirões de provas práticas da banca 01 de direção veicular para a retirada da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) para candidatos que residem no interior do Estado.

O cronograma compreende os três primeiros meses de 2018. O agendamento para a realização do teste estará disponível 15 dias antes da chegada da banca examinadora nos municípios.

"O Detran inicia as aplicações de exames práticos no interior do Estado com a banca 01, por conta da grande demanda na região. Contudo, já estamos finalizando a programação da banca 02, que é definida de acordo com a quantidade de entrada de processos das cidades que possuem Centro de Formação de Condutores (CFC) ou dos municípios próximos", esclarece o diretor de habilitação, Sandro Alves.

A banca 01, que atende as cidades de Floriano, Picos, Piripiri e Parnaíba, tem capacidade para realizar 150 exames práticos duas rodas, categoria A, e 250 exames práticos quatro rodas, categoria B, C, D e E, por dia. A expectativa é que sejam realizados 6.400 exames ao final do trimestre.

O cronograma inicia no dai 25 de janeiro na cidade de Floriano e encerra no dia 23 de março, na cidade de Parnaíba. “A ida das bancas as cidades do interior do Estado é uma forma de dar vazão aos processos e comodidade aos candidatos, não precisando mais estes se deslocarem a capital para realização do exame”, pontua Alves.

De janeiro a dezembro de 2017, o Detran realizou 82 mil testes práticos de percurso e baliza em todo o Estado, sendo 35.498 no interior.

cidade verde 

© 2017 Corrente é notícia, todos os direitos reservados