Rueda explica postura do Flamengo e praticamente descarta Guerrero contra o Vasco

O Flamengo saiu satisfeito do Maracanã após a vitória de 1 a 0 sobre o Fluminense, pelas quartas de final da Copa Sul-Americana.

O técnico rubro-negro, Reinaldo Rueda, disse entender a postura do time no segundo tempo, segurando o resultado e com menos posse de bola do que o rival.

– Felizmente, abrimos o marcador e a ideia era controlar o jogo. Mas o Fluminense teve boa reação e tentou buscar o empate. Com concentração, tentamos segurar. Era esperar pequenos espaços e manter o resultado no placar. Com a reação de um rival de nível, com boa estrutura, é normal que o controle mude. Conseguimos segurar o marcador – avaliou o colombiano,

Rueda gostou da ‘coragem’ do Flamengo diante do Tricolor, mas destacou que é preciso melhorar em alguns aspectos. Ele aprovou o comportamento do time, mais combativo do que na derrota contra o São Paulo.

 – Um jogo desse (clássico) sempre tem esse ingrediente, esse fator, de rivalidade, que propicia essa situação. São situações de jogo, como no primeiro tempo, quando houve muita intensidade e coragem. Devemos melhorar nesse aspecto, nessa agressividade e nesse comportamento defensivo – disse.

O treinador praticamente descartou a presença de Guerrero no clássico contra o Vasco, no próximo sábado, pelo Campeonato Brasileiro. O peruano ainda sente dores na coxa esquerda e segue fora de combate.

– Muito difícil (saber quando poderá contar com ele). Hoje (quarta) falei com ele, todavia tem muita dor, é limitante para poder treinar, penso que vai ser difícil. Vai chegar a data Fifa para a sua viagem. É uma pena que não vamos tê-lo em jogos tão importantes – lembrou.

Lancenet

VEJA TAMBÉM
© 2017 Corrente é notícia, todos os direitos reservados