BRASILIA: Ibaneis pede equipamentos médicos e ajuda de 'qualquer natureza' à embaixada da China para combater coronavírus

O governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha (MDB), enviou um ofício à embaixada da China, em Brasília, nesta quinta-feira (19), pedindo ajuda "de qualquer natureza", para combater o novo coronavírus.

 

Equipe médica atende paciente com coronavírus em Wuhan,  — Foto: Stringer/AFPNo documento, o chefe do Executivo local cita a situação de emergência criada pela Covid-19 na capital e pede orientações ao país asiático.

 "Saliento que seria bem acolhida a prestação de assistência de qualquer natureza, especialmente orientações para o combate à doença, doação de suprimentos e equipamentos médicos, além de indicações de empresas que possam colaborar na contenção da pandemia."

hospital coronavírus china — Foto: Reprodução

hospital coronavírus china — Foto: Reprodução

 

No texto, Ibaneis destaca a "notória capacidade da China" de controlar a propagação da doença. O país, que foi o epicentro da Covid-19, nesta sexta-feira (20), não registrava mais novos casos de transmissão local.

 "Foi notória a capacidade demonstrada pelas autoridades chinesas no combate à propagação da doença, na mitigação de seus efeitos, bem como na solidária cooperação técnica oferecida a outros países afetados pela enfermidade."

  

Embaixada da China em Brasília — Foto: TV Globo/Reprodução

Embaixada da China em Brasília — Foto: TV Globo/Reprodução

Até a publicação desta reportagem, o G1 tentava contato com a embaixada da China no Brasil. Leia abaixo íntegra do ofício:

"Senhor Embaixador,

Ao cumprimentá-lo cordialmente, reporto-me à declarada situação de emergência no âmbito da saúde pública no Distrito Federal, em decorrência da necessidade premente de conter a disseminação do novo coronavírus, classificada como pandemia pela Organização Mundial de Saúde.

Ao longo das últimas semanas, foi notória a capacidade demonstrada pelas autoridades chinesas no combate à propagação da doença, na mitigação de seus efeitos, bem como na solidária cooperação técnica oferecida a outros países afetados pela enfermidade.

Por conseguinte, nos marcos da tradicional amizade sino-brasileira, solicito os bons préstimos de V.Exa. no sentido de obter o auxílio da República Popular da China para o enfrentamento à Covid-19 no âmbito do Distrito Federal, tendo em vista a rápida evolução do número de casos registrados no território brasileiro e a deficiência da infraestrutura de saúde pública ante a enorme necessidade que se apresenta.

Saliento que seria bem acolhida a prestação de assistência de qualquer natureza, especialmente orientações para o combate à doença, doação de suprimentos e equipamentos médicos, além de indicações de empresas que possam colaborar na contenção da pandemia.

Certo de contar com a habitual presteza de V.Exa., neste momento de grande inquietação mundial, reitero o profundo reconhecimento do Governo do Distrito Federal pela exitosa e diversificada parceria desenvolvida recentemente com essa Embaixada em numerosas matérias de interesse mútuo.

Agradecendo antecipadamente sua atenção, permaneço ao dispor para prestar quaisquer esclarecimentos, aproveitando o ensejo para renovar os votos de elevada estima e distinta consideração."  

Fonte G1

VEJA TAMBÉM
© 2017 Corrente é notícia, todos os direitos reservados