O estado de Mato Grosso do Sul registrou um caso de raiva humana, depois de 21 anos sem ocorrências, e o paciente, de 38 anos, está em estado grave no Hospital da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul. De acordo com os médicos, o homem foi mordido há mais de 40 dias por um cão infectado com raiva e só procurou atendimento médico no último dia 13.

A farmacêutica francesa Sanofi Pasteur saiu na frente na corrida pela aprovação de uma vacina contra a dengue. Segundo Sheila Homsani, diretora médica da Sanofi Pasteur Brasil, a empresa já solicitou à Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) o registro da vacina imunizante ao vírus da dengue, na semana passada. A empresa também está no mesmo processo na Malásia.

© 2017 Corrente é notícia, todos os direitos reservados